Tag

Ligas de Trauma

News

Exposição marca os 25 anos da Liga do Trauma da Unicamp

Lançamento da Exposição reuniu convidados no Centro de Artes da FCM Unicamp

Na manhã dessa quarta-feira (03), foi realizado o lançamento da Exposição “25 anos da Liga do Trauma da Unicamp”, no Espaço das Artes, na Faculdade de Ciências Médicas da Unicamp, em Campinas (SP).

O evento reuniu convidados e amigos que fizeram e fazem parte da história da Liga, como o próprio presidente da SBAIT, Dr José de Mauro da Silva Rodrigues, que também compareceu prestigiando o evento.

Dr Gustavo Pereira Fraga, durante seu discurso no evento

Dr Gustavo P. Fraga, coordenador do comitê de prevenção da SBAIT , discursou sobre a importância da Liga, por estar cada vez mais atuante na sociedade por meio dos projetos de prevenção, como O P.A.R.T.Y. e o “Salvando Vidas”, além da participação em simulados e da organização do Congresso Brasileiro das Ligas de Trauma, o CoLT.

Dainel Zaidan, presidente do CoBraLT

A exposição será itinerante e a próxima parada será durante o evento Campinas 2017, que reunirá os eventos Intergastro & Trauma 2017, IV Congresso da Sociedade Mundial de Cirurgia de Emergência e XIX Congresso Brasileiro de Ligas de Trauma ( CoLT), que ocorrerá no Expo Dom Pedro , em Campinas (SP) de 18 a 20 de maio de 2017.

A SBAIT parabeniza todos que fizeram e fazem parte da história da primeira Liga de Trauma do país.

Dr Thiago Calderan, Daniel Zaidan , Dr Gustavo Pereira Fraga e Dr José Mauro da Silva Rodrigues

Confira mais imagens da Exposição “25 anos da Liga de Trauma da Unicamp”

 

News

Alunos de Graduação em Enfermagem na Liga do Trauma da Unicamp

unnamed

Em outubro de 2016, alunos do segundo e terceiro ano do curso de graduação em Enfermagem, da Faculdade de Enfermagem da Universidade Estadual de Campinas, iniciaram sua participação na Liga do Trauma da Unicamp, com propósito de atuação multiprofissional.

A participação dos alunos de enfermagem na Liga do Trauma permitirá a aquisição de conhecimentos específicos que contribuem, de maneira extracurricular, para a boa formação acadêmica do aluno do curso de Enfermagem, propiciando que esse aluno vivencie a temática do trauma a fim de que entenda as proporções que este alcança, insere os alunos em atividades de  iniciação científica, estimulando a participação em congressos, trabalhos, publicações e outras atividades ligadas à área de enfermagem em urgências e emergências e sobretudo insere o aluno em projetos de extensão comunitária que objetivam a conscientização da população quanto ao tema, visando a promoção à saúde e elaboração de propostas para melhorar a qualidade de vida da população.

As atividades do aluno de enfermagem na Liga do Trauma consistem em participação de reuniões ordinárias entre docentes e alunos da Liga para a discussão de assuntos relacionados ao Trauma, promoção de cursos sobre o atendimento ao politraumatizado e/ou assuntos correlatos, realização de estágios na forma de plantões, nos quais os membros entrarão em contato direto com o paciente, promoção de intercâmbio científico com sociedades e/ou serviços correlatos, incentivo à participação e produção cientifica em equipes de pesquisa na área de urgência e emergência, atuação em programas junto à comunidade como campanhas informativas que esclareçam à população sobre a importância do trauma como problema de Saúde Pública, além de eventos e treinamentos junto à população.

O ingresso dos primeiros alunos de graduação em Enfermagem na Liga do Trauma se fez por processo seletivo e os alunos selecionados foram Ana Flavia Bucci, Maria Clara Matias, Welington Pereira da Silva, Renata Bispo e Fernanda Gomes de Souza.

A Liga do Trauma da Unicamp é a Liga de Trauma mais antiga do país, desde 1992, e foi possível esta parceria almejada há muito tempo, através da coorientação da Prof Dra Ana Paula Boaventura, professora do Departamento de Enfermagem com o Dr Thiago Rodrigues A. Calderan, médico orientador da Liga do Trauma da Unicamp.

Com as vivências e experiências multiprofissionais destes alunos junto a Liga do Trauma da Unicamp há uma contribuição de forma efetiva na educação e formação destes acadêmicos no contexto da urgência e emergência no nosso país e no mundo.

Texto por: Profa Dra Ana Paula Boavantura e Dr Thiago Calderan

News

Pré-CoLT é realizado em Sergipe

img_7829

O Pré-CoLT Sergipe recebeu 110 participantes

Durante os dias 7, 8 e 9 de outubro realizou-se no auditório do Hospital de Urgência de Sergipe (HUSE) a décima edição do Pré-CoLT. O evento foi organizado pela diretoria da Liga de Trauma de Sergipe sob orientação do Dr Fábio Alves.

O evento recebeu 110 inscritos entre eles médicos, acadêmicos e enfermeiros e contou com a participação de convidados locais e nacionais, entre eles o membro da diretoria da SBAIT,  Dr Daniel Souza Lima (Fortaleza-CE) que esteve presente na abertura do evento e trouxe atualizações sobre as condutas no Trauma, além de participar também como mediador das rodas de discussões e das sessões interativas junto aos residentes, estagiários do SAMU e ligantes.  Também participaram de toda a programação abordando temas diversos e corriqueiros na rotina de atendimento ao paciente politraumatizado, os convidados Dr. Fabricio Dias Antunes, Dr. Clovis França, Dr. Marco Aurélio, Dr. Filipe Brasileiro, Dr. Fabio Alves e a atual Secretária da Saúde no estado de Sergipe Maria da Conceição Mendonça Costa.

Confira imagens do evento:

Informações e imagens: Liga de Trauma de Sergipe

News

Liga do Trauma da Unicamp realiza ação do “Programa Salvando Vidas”

salvando-vidas-unicamp-rcp

Ação do “Programa Salvando Vidas” durante a 13ª edição da UPA – Unicamp de Portas Abertas, promoveu treinamento teórico-prático a mais de 1450 pessoas.

No dia 10 de setembro de 2016, os membros da Liga do Trauma da Unicamp juntamente com a equipe do Resgate da CCR AutoBAn promoveram uma ação do Programa  Salvando Vidas, com o tema RCP – Reanimação Cardiopulmonar.

O treinamento foi uma das atividades da 13ª edição da UPA – Unicamp de Portas Abertas e promoveu treinamento teórico-prático a cerca de 1500 pessoas.

O sucesso foi garantido com treinamento direto no conteúdo teórico e manobras práticas, reforçando que todos são capazes de auxiliar no atendimento a uma vítima de parada, desde pequenos, como mostra a foto em anexo de Tainá de 8 anos, realizando manobras de RCP.

O coordenador médico da Liga do Trauma, Thiago Calderan, reforçou a importância da população em conhecer uma PCR – Parada Cardiorespiratória e saber como agir, desde a segurança no prestar atendimento à vítima, a solicitação adequada de socorro e as manobras básicas necessárias até que o socorro tenha chegado.

Confira abaixo imagens do evento:

Informações e imagem: Liga do Trauma da Unicamp

News

“Salvando Vidas” (CoBraLT / SBAIT) alcança mais de 50.000 pessoas em seu primeiro ciclo de atividades

Durante 11 meses de atividades (ciclo 2015/2016), o projeto Salvando Vidas alcançou mais de 50.000 pessoas, sendo 8.100 via ações presenciais e 42.100 por meio das ferramentas de comunicação e marketing dos idealizadores do projeto, o Comitê Brasileiro das Ligas do Trauma (CoBraLT) e a Sociedade Brasileira de Atendimento Integrado ao Traumatizado (SBAIT).

O objetivo do projeto é ensinar e conscientizar o público leigo sobre os primeiros socorros utilizados em 10 situações comuns de urgência e emergência presenciadas no dia a dia, contribuindo para a prevenção das situações fatais relacionados à área de urgência, emergência e trauma no Brasil.

Os temas abordados pelo projeto foram:

  • Técnicas para desobstrução de vias aéreas por engasgo (outubro 2015),
  • Ressuscitação cardiopulmonar (novembro 2015),
  • Técnicas básicas para imobilização de vítimas de trauma (dezembro 2015),
  • Lesões térmicas e choque elétrico (Janeiro 2016),
  • Ferimentos (Fevereiro 2016),
  • Afogamento (Março 2016),
  • Acidentes com animais peçonhentos (Abril 2016),
  • Prevenção de lesões por raios (Maio 2016),
  • Medidas para prevenção de intoxicações (Junho 2016)
  • Convulsões (Julho 2016)

As ações foram promovidas pelas Ligas Acadêmicas de Trauma e Emergência e/ou projetos similares filiados ao CoBraLT em 20 cidades brasileiras de 14 Estados, sendo 9 capitais. As cidades onde ocorrem as ações foram: Campinas (SP); Ribeirão Preto (SP); Araraquara (SP); Rio de Janeiro (RJ); Volta Redonda (RJ); Belo Horizonte (MG); Alfenas (MG); Juiz de Fora (MG); Porto Alegre (RS); Canoas (RS); Boa Vista (RR); Teresina (PI); Goiânia (GO); Brasília (DF); Maceió (AL); Campo Grande (MS); Vila Velha (ES); Jequié (BA); Araguaína (TO); Rondonópolis (MT).

Estas atividades de conscientização e capacitação da população leiga ocorreram em praças públicas, shoppings centers, estações rodoviárias e de metrô, unidades de saúde como postos de saúde, maternidades, hospitais universitários, escolas públicas e privadas de ensino infantil, fundamental e médio, creches, sociedades filantrópicas, igrejas, feiras municipais, empresas públicas e privadas e em Universidades.

Entre os 10 temas abordados pelo projeto, ressuscitação cardiopulmonar, engasgo, acidentes com animais peçonhentos e intoxicações tiveram maior repercussão junto ao público leigo.

O projeto contou também com o apoio da Sociedade Brasileira de Salvamento Aquático (SOBRASA), Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) locais, Empresa Brasil de Comunicação (EBC), Centro de Informação Toxicológica do Rio Grande do Sul (CIT/RS) além de diversas instituições públicas e privadas, especialmente as Instituições de Ensino Superior (IES) locais. Em parceria com as Ligas do Trauma, outras Ligas Acadêmicas também apoiaram as ações presenciais do projeto Salvando Vidas como a Liga Araguainense de Cardiologia, Liga de Neuro da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo, Liga de Pediatria da Universidade Luterana do Brasil do Rio Grande do Sul.

O projeto Salvando Vidas, agora programa, retornará com as atividades no mês de setembro de 2016, iniciando o ciclo 2016/2017. Mais informações, acesse: http://cobralt.com.br/extensaos/salvando-vidas-sbaitcobralt/

Por CoBraLT

News

“Convulsões” foi o tema trabalhado no Projeto Salvando Vidas (CoBraLT/SBAIT) em julho

uniara 2

Ação realizada pela LAUET-UNIARA

Em julho, o Projeto Salvando Vidas (CoBraLT/SBAIT) trabalhou o tema “Convulsões”, capacitando 150 pessoas presencialmente e alcançando 1800 pessoas com ações de comunicação e marketing online.

As atividades foram realizadas diretamente pelos membros de quatro Ligas de Trauma e Emergência:

  • Rondonópolis (MT): Liga Acadêmica de Medicina de Urgência e Emergência do Centro Universitário de Rondonópolis da Universidade Federal do Mato Grosso (LAMUEM-UFMT-CUR);
  • Araraquara (SP): Liga Acadêmica de Urgência, Emergência e Trauma do Centro Universitário de Araraquara (LAUET-UNIARA);
  • Santa Cruz do Sul (RS): Liga do Trauma da Universidade de Santa Cruz do Sul (LT-UNISC);
  • Vila Velha (ES): Liga Acadêmica Capixaba de Cirurgia (LIACC)

Com esse tema, o Projeto encerra o primeiro ciclo de atividades (2015 / 2016). Durante 11 meses de atividades (ciclo 2015/2016), o projeto Salvando Vidas alcançou mais de 50.000 pessoas, sendo 8.100 via ações presenciais e 42.100 por meio das ferramentas de comunicação e marketing.  O projeto Salvando Vidas, agora programa, retornará com as atividades no mês de setembro de 2016.

Saiba mais acessando o site do Comitê Brasileiro das Ligas de Trauma- CoBraLT:   http://cobralt.com.br/extensaos/salvando-vidas-sbaitcobralt/

 

News

Manaus (AM) realiza II Simulado SBAIT de Atendimento a Múltiplas Vítimas de Trauma

IMG_0151

O Simulado teve como cenário a colisão entre um ônibus, uma moto e um carro, envolvendo ao todo 40 vítimas

Foi realizado em Manaus (AM) no dia 11 de junho, o II Simulado SBAIT de Atendimento a Múltiplas Vítimas do Trauma.

O Simulado, que também foi utilizado como treinamento para as Olimpíadas Rio 2016, foi realizado em uma das principais avenidas da cidade e teve como cenário a colisão entre um ônibus, uma moto e um carro, envolvendo ao todo 40 vítimas,  que foram atendidas com a participação do Corpo de Bombeiros, Samu, Polícias Militar, Civil e Federal, além das Defesas Civis municipal e estadual.

Participaram do Simulado 100 acadêmicos de medicina e enfermagem. O evento foi realizado pela Liga Amazonense do Trauma – LAT, e teve o apoio de várias outras Ligas do estado:

  • Projeto Alfa-UFAM
  • Liga Acadêmica de Emergências Clínicas – LAEC, da UEA
  • Liga Acadêmica de Trauma e Emergência em   Enfermagem – LATEENF
  • Liga de Ortopedia e Traumatologia – LOT
  • Liga Amazonense de Angiologia e Cirurgia Vascular – LAACV.

A coordenação docente do evento foi dos Drs Cleinaldo de Almeida Costa e José Emerson dos Santos Souza. Coordenação discente: Álvaro Queiroz Magalhães -(LAT ), André Alexandre dos Santos Gomes (LAT), Karoline Evelyn Barbosa Gomes (LAT),  Isabelle Nascimento Costa (LAT), Sidney Nogueira Carvão Aguiar Valle  (LAT), Juliane Mirella Trindade da Silva (LATEENF), Janio Junior Mendizabal Nattrodt (LOT), Marcelo de Assis Ferreira (LAEC), Victor Chaves Caldas (ALFA), Lucas Medina Areosa – (ALFA).

Imagens:

 

Repercussão na mídia:

http://www.amazonasnoticias.com.br/samu-participa-neste-sabado-de-exercicio-simulado-preparatorio-para-passagem-da-tocha/

http://www.redetiradentes.com.br/simulado-faz-teste-de-seguranca-para-passagem-da-tocha-olimpica-em-manaus/

http://globoesporte.globo.com/am/noticia/2016/06/simulacoes-com-passagem-da-tocha-e-acidentes-sao-realizadas-em-manaus.html

http://www.holofotemanaus.com.br/noticia/1050/simulacoes-com-passagem-da-tocha-e-acidentes-sao-realizadas-em-manaus.html

https://www.facebook.com/corpodebombeirosmilitardoam/photos/?tab=album&album_id=879201048892974

http://new.d24am.com/noticias/amazonas/seguranca-publica-bombeiros-realizam-simulado-para-passagem-tocha-olimpica/153458

http://www.emtempo.com.br/simulacao-de-passagem-da-tocha-olimpica-por-manaus-revela-falhas/

http://www.amazonas.am.gov.br/2016/06/simulado-colocara-em-pratica-planos-de-seguranca-desenvolvidos-para-a-passagem-da-tocha-olimpica/

http://fatoamazonico.com/site/noticia/orgaos-realizam-simulado-de-seguranca-para-a-passagem-da-tocha-olimpica/

http://www.blogdafloresta.com.br/orgaos-realizam-simulado-de-seguranca-para-a-passagem-da-tocha-olimpica/

http://www.acritica.com/channels/manaus/news/manaus-tem-simulacao-de-acidente-em-preparacao-para-a-passagem-da-tocha-olimpica

http://www.acritica.com/channels/manaus/news/manaus-tem-simulacao-de-acidente-em-preparacao-para-a-passagem-da-tocha-olimpica

http://www.furacaodenoticias.com/simulado-testa-seguranca-antes-da-passagem-da-tocha-olimpica/

http://manauense.com.br/blog/2016/06/11/orgaos-de-seguranca-publica-e-bombeiros-realizam-simulado-para-passagem-da-tocha-olimpica/

http://www.correiodaamazonia.com.br/orgaos-apresentam-planejamento-a-ser-utilizado-na-passagem-da-tocha-olimpica/

http://www.ssp.am.gov.br/2016/06/orgaos-realizam-simulado-de-seguranca-para-a-passagem-da-tocha-olimpica/

http://transito.manaus.am.gov.br/simulacao-de-acidente-interdita-temporariamente-trecho-da-av-torquato-tapajos-neste-sabado/

 

News

“Medidas para prevenção de intoxicações” é o tema do Projeto Salvando Vidas em junho

FLYER A5 - FRENTE - JUNHO - SALVANDO VIDASEm junho, o Projeto “Salvando Vidas” trabalhará com o tema “Medidas para prevenção de intoxicações”, contando com a participação de Ligas de Trauma e Emergência de diversas regiões do país:

  • Ribeirão Preto (SP): Liga do Trauma da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (LT FMRP USP)
  • Jequié (BA): Liga de Trauma da Universidade Estadual da Bahia, Campus Jequié (LTUESB)
  • Boa Vista (RR): Liga do Trauma de Roraima (LTRR)
  • Araguaína (TO): Liga Araguainense do Trauma (LAT) / Liga Araguainense do Trauma de Enfermagem (LATE)
  • Vila Velha (ES): Liga Acadêmica Capixaba de Cirurgia (LIACC)
8

LET-UNIFENAS em ação no dia 11 de junho

O Projeto Salvando Vidas está no décimo mês de atividades. Até o momento, foram capacitadas mais de 7.000 pessoas por meio das ações sociais e aproximadamente 40.000 alcançadas pelas redes sociais.

No dia 11 de junho na Praça Central de Alfenas – Getúlio Vargas – Alfenas (MG), ocorreu uma ação social realizada pela equipe da Liga de Emergência e Trauma da Universidade José do Rosário Vellano (LET-UNIFENAS). Foram capacitadas cerca de 30 pessoas. 

Folder de orientação – “Medidas para prevenção de intoxicações”

FLYER A5 - VERSO - JUNHO - SALVANDO VIDAS

News

II Simpósio Gaúcho de Emergência e Trauma e Pré COLT RS é realizado com sucesso

13327630_1793107224237923_3410376381642252073_n

Evento reuniu 290 participantes

Foi realizado nos dias 03 e 04 de junho, na sede da Associação Médica do Rio Grande do Sul (AMRIGS), o  II Simpósio Gaúcho de Emergência e Trauma & Pré COLT RS,  promovido pelas Ligas de Trauma e Emergência da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Universidade de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA), Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) e Universidade Luterana do Brasil (ULBRA) com apoio do Comitê Brasileiro das Ligas do Trauma (CoBRaLT).

13325617_1793109280904384_1495487515700773010_n

Professor Ricardo Breigeiron, 2º vice-presidente da SBAIT em sua apresentação

O evento reuniu 290 participantes e vários palestrantes nacionais, de grande reconhecimento na área, que abordaram temas de grande relevância para os participantes, como “Discussão sobre Cirurgia de controle de danos”,  “Mídias sociais na prática da Medicina de Emergência” e “Protocolos intra-hospitalares”.

Para os organizadores, o evento foi um sucesso :”Alcançamos as expectativas, porém trabalharemos para ocupar um espaço maior no próximo evento e incluir mais participantes.”

Informações e imagens: Comissão Organizadora ( CoBraLT -RS)

News

Projeto “Salvando Vidas” trabalhou em maio com o tema “Prevenção de lesões por raios”.

LATEM-UFMS

Liga Acadêmica do Trauma e Emergência Médica da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (LATEM-UFMS)

Em maio, o Projeto “Salvando Vidas” (CoBraLT/SBAIT) trabalhou o tema  “Prevenção de lesões por raios”. No total, sete Ligas Acadêmicas de Trauma e Emergência realizaram ações em diversas regiões do país:

  • Teresina (PI): Liga Acadêmica de Trauma e Emergência do Piauí (LATE-PI)
  • Campo Grande (MS):Liga Acadêmica do Trauma e Emergência Médica da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (LATEM-UFMS)
  • Porto Alegre (RS): Liga de Trauma e Emergência da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (LTE-UFRGS)
  • Campinas (SP): Liga do Trauma da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas (LT – UNICAMP)
  • Goiânia (GO): Liga Acadêmica de Cirurgia do Trauma da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (LACIT-PUCGO)
  • Canoas (RS): Liga do Trauma da Universidade Luterana do Brasil (LT-ULBRA)
  • Belo Horizonte (MG): Liga do Trauma e Emergência da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade José do Rosário Vellano – UNIFENAS (LITE-UNIFENAS).

Foram capacitadas por meio das ações sociais presenciais aproximadamente 1300 pessoas. Nas redes sociais, o projeto “Salvando Vidas – CoBraLT/SBAIT” alcançou 4217 pessoas.

Neste mês de Junho de 2016, o projeto “Salvando Vidas – CoBraLT/SBAIT” trabalhará com o tema “MEDIDAS PARA PREVENÇÃO DE INTOXICAÇÕES”. 

Confira imagens das ações de maio em todo o país

Fechar