Tag

APH

News

Estágio de Preparação de Missões de Paz (EPMP) é realizado no RJ

IMG_5824No período de 22 setembro a 17 outubro, aconteceu o Estágio de Preparação de Missões de Paz (EPMP), no Centro Conjunto de Operações de Paz do Brasil (CCOPAB), no Rio de Janeiro, local em que geralmente são ministradas instruções em diversos cursos para militares e civis que farão parte de missões de paz pela ONU.

A concessionária Intervias, a convite do Major Igor Cabral (FAB), apoiou o evento com instrução de primeiros socorros no dia 08 outubro.

Estiveram na base militar (RJ), cinco funcionários da Intervias – Dra Josiene Germano, Aida Milani (enfermeira líder), Marcos Theodoro (enfermeiro), Serafim Santos (técnico de enfermagem) e Cláudio Metzner (motorista de ambulância).

Com uma turma composta por 15 militares (oficiais superiores) de várias unidades (EB, MB, FAB, PM, etc), foram ministradas instruções teóricas sobre atendimento ao traumatizado e a múltiplas vítimas, animais peçonhentos e suporte básico de vida, além de um período para treinamento prático de RCP (ressuscitação cardio-pulmonar), imobilização com colar cervical e prancha longa, e retirada rápida de vítimas traumatizadas de veículos.

“Ficamos muito contentes pela forma e respeito como fomos recebidos. A turma interagiu, participou, enfim, foram algumas horas que passaram rapidamente. É uma grande satisfação saber que reconhecem e apoiam o trabalho que estamos desenvolvendo no APH da Intervias. Informalmente nos foi falado que o convite para outras instruções chegarão, fato que comprova que ficaram satisfeitos com a instrução que ministramos para eles”, completa Dra. Josiene Germano.

News

Atendimento em ribanceira foi tema de treinamento para APH

IMG_4212

Participantes e Instrutores do Treinamento em ribanceira

Com o objetivo de aprimorar seus conhecimentos no trabalho prestado aos usuários das rodovias, os profissionais do APH da Intervias passaram, entre os dias 22 e 25 de julho, por um treinamento Noções Básicas de Técnicas Verticais para Resgate – Salvamento em Altura e Ribanceiras. A atividade foi ministrada por militares da Força Aérea Brasileira, representando o 3º Esquadrão do 8º  Grupamento de Aviação do Rio de Janeiro e o Esquadrão Aeroterrestre de Salvamento (Para-Sar), de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul.

IMG_4370

Passarela utilizada para aula prática do treinamento

A equipe da concessionária – formada por médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e motoristas – foi dividida em quatro turmas. Os locais utilizados para a parte prática, foram uma passarela do quilômetro 168 onde foi realizado o rapel negativo e uma ribanceira com cerca de 15 metros de altura, no quilômetro 167 da Via Anhanguera (SP-330), onde foi praticado rapel (descida) de frente e de costas e lepar (subida). Também foram demonstrados técnicas para utilização de sistemas de força para facilitar o trabalho com macas.

É fundamental que os profissionais do APH estejam preparados para todas as situações, inclusive aquelas que envolvam o resgate das vítimas em ambientes adversos”, ressalta a coordenadora Médica, Josiene Germano.

Confira a galeria de imagens:

Texto e imagens: Dra Josiene Germano

News

APH promove treinamento a militares da Força Aérea Brasileira

IMG_3523

Participantes e instrutores do treinamento

Os profissionais de APH da Intervias promoveram, nos dias 19 e 20 de julho, um treinamento sobre atendimento emergencial a vítimas de acidentes, realizado na Sede da Concessionária, em Araras. A ação foi destinada a cerca de dez militares da Força Aérea Brasileira, que realizam atendimento de resgate, baseados no 3º Esquadrão do 8º  Grupamento de Aviação, no Rio de Janeiro e no Esquadrão Aeroterrestre de Salvamento (Para-Sar) em Campo Grande, Mato Grosso do Sul.

IMG_3487

Aula teórica da capacitação

No total, a capacitação durou 20 horas, entre aulas teóricas e práticas. Foram abordados temas como avaliação da vitima, cinemática do trauma, choque hipovolêmico, e  tópicos relacionados à mobilização correta de vítimas (uso do colar cervical, prancha longa, multi cinto, cinturão pélvico e KED), retirada de capacete e desencarceramento.

“Temos essa parceria com a Aeronáutica desde 2007. Os conceitos aplicados serão úteis para o trabalho desenvolvido pela corporação e também atendem às diretrizes do Gerar (Grupo Estratégico para Redução de Acidentes) da Arteris, no que se refere ao aprimoramento das técnicas e compartilhamento do conhecimento”, conclui a coordenadora Médica da Intervias, Josiene Germano.

Confira galeria de imagens:

 

Texto e imagens: Dra Josiene Germano

News

Saúde na Copa: No Ceará, maioria dos pacientes são casos de baixo risco

DSC07452

Posto Médico Avançado (PMA) da Arena Castelão, Fortaleza (CE)

A Secretaria de Saúde do Ceará divulgou nesta quinta-feira (26) um balanço dos atendimentos durante os jogos da Copa do Mundo 2014.

O diretor da SBAIT,  Daniel Souza Lima, é um dos médicos que tem atuado no PMA da Arena Castelão, em Fortaleza.

Segundo a Secretaria da Saúde do Estado (Sesa), a estrutura de saúde foi reforçada para prestar assistência durante a realização de eventos relacionados à Copa do Mundo da FIFA. Até a última terça-feira (24), dia do jogo entre Grécia e Costa do Marfim, na Arena Castelão, 1.249 atendimentos foram realizados nos 20 hospitais e unidades da capital cearense.  Os três Postos Médicos Avançados (PMAs) instalados no entorno da Arena e no Aterro da Praia de Iracema fizeram juntos 44,19% dos atendimentos, com total de 552 procedimentos. O maior número de atendimentos foi dentro da Arena Castelão, no total de 423.

Sob a coordenação do Centro Integrado de Operações Conjuntas da Saúde (CIOCS), órgãos e profissionais de saúde da Secretaria da Saúde do Estado (Sesa) e a Secretaria de Saúde de Fortaleza trabalham de forma conjunta na prevenção de riscos e doenças e na prestação de serviços de recuperação da saúde em ocorrências relacionadas aos eventos da Copa. Com ações nas áreas de vigilância, assistência e promoção, o Plano Operativo da Saúde especifica as providências para o enfrentamento das doenças transmissíveis, acidentes com múltiplas vítimas, acidentes com produtos químicos, biológicos, radiológicos, nucleares e explosivas (QBRNE), emergências epidemiológicas e desastres. O plano reforça a integração das ações e serviços de saúde.

Durante o mundial de futebol, as equipes de vigilância e assistência atuam no monitoramento de situações na Arena Castelão e entorno, nos centros de treinamento das seleções nacionais, nos PMAs e outras unidades de saúde, bares, restaurantes, rede hoteleira, rede assistencial, SAMU 192, portos, aeroportos e fronteiras, Fan Fest e outras áreas de concentração de torcedores. O CIOCS funciona plenamente nos dias de jogos na Arena Castelão, no total de seis, durante os 25 dias de Fan Fest no Aterro da Praia de Iracema e, em dias que não houver jogo nem Fan Fest, funcionará em regime de plantão. Com a utilização de tablets, é feita a coleta de dados em tempo real, em 18 unidades de saúde, para a transmissão das informações de atendimentos exclusivamente relacionados à Copa, que subsidiam as ações de vigilância à saúde.

Saiba em detalhes:

Portal Governo do Estado do Ceará , 26/06/14

 

 

News

Equipes a postos no Estádio Mané Garrincha (DF) para o jogo Brasil x Camarões desta segunda-feira

IMG-20140623-WA0008

Equipe de atendimento – Posto Médico Avançado (PMA) do Estádio Mané Garrincha, Brasília (DF) – 23/06, Jogo Brasil x Camarões

Segunda-feira, 23 de junho, dia de mais um jogo do Brasil pela Copa do Mundo 2014, dessa vez no estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF). Logo cedo as equipes de atendimento pré-hospitalar já mobilizaram-se e deram início aos preparativos.

Na área periférica do estádio, são montados os Postos Médicos Avançados (PMA) . Há também as equipes de atendimento que atuam na Fanfest. A partir das 8h, a equipe já estava reunida para traçar um briefing do dia.

Por volta das 9h30,  o comboio dirigiu-se para a Fanfest e estádio. Às 11h, a equipe deu início à montagem do Posto Móvel de Regulação (PMR), estabelecendo contato com todos os Centros de Comando e Controle e com os hospitais.

Confira abaixo, algumas imagens das etapas de preparação da equipe de atendimento do SAMU-DF para o jogo Brasil x Camarões, uma partida com expectativa de mais de 70.000 torcedores.

 

News

Trabalho dos médicos começa logo pela manhã no jogo Brasil e Camarões

Equipes que atendem no estádio e na Fanfest iniciam atividades às 8h e seguem até depois da partida

Dia de jogo é dia de muito trabalho para os profissionais que atuam nos Postos Médicos Avançados (PMA) na área periférica dos estádios e nas Fanfests. A rotina deles começa logo cedo. Na próxima segunda-feira, no jogo Brasil e Camarões, em Brasília, a partir das 8h, a equipe já está reunida para traçar um briefing do dia. E só retornam à base por volta de 22h.

Por volta das 9h30, sai o comboio para a Fanfest e para o estádio. Às 11h, eles se estabelecem nos Postos Médicos Avançados (PMA´s) e iniciam a montagem do Posto Móvel de Regulação (PMR), estabelecendo contato com todos os Centros de Comando e Controle e com os hospitais. Após o término do evento, as estruturas são desmobilizadas e retornam à base do SAMU por volta de 22h.

O SAMU é responsável pelos atendimentos na área periestádio em todos os dias de jogo. Dentro do estádio, é um serviço privado da FIFA. Cabe também ao SAMU o atendimento nas Fanfests. Em todos eles, a estrutura básica é composta por duas Unidades de Suporte Básico, duas Unidades de Suporte Avançada e quatro Motolâncias, dispostas estrategicamente pela área do evento.

Há, ainda, o PMR, que é um braço da Central de Regulação de Urgências do SAMU, responsável por regular as ocorrências da área do evento e manter contato com as unidades móveis, PMA´s, Hospitais de referência e Centros de Comando e Controle. Em cada estrutura, há cerca de 60 profissionais trabalhando, entre médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, psicólogos, condutores, agentes administrativos e equipe de comunicação social.

“Mas nada disso interfere no funcionamento normal da Central de Regulação 192 do SAMU e das 38 unidades móveis para o atendimento à população”, explica o coordenador do SAMU do Distrito Federal e coordenador do Comitê do Pré-hospitalar da SBAIT (Sociedade Brasileira de Atendimento Integrado ao Traumatizado), Rodrigo Caselli.

De acordo com Caselli, toda a estrutura disponibilizada pelo SAMU é móvel e já existente. “Normalmente, ela é utilizada para eventos de massa ou desastres, exceto uma área destinada ao PMA da Fanfest, disponibilizada pela organização do evento”, explica. Ele disse, ainda, que a equipe de Brasília recebeu uma comissão do Qatar, que está fazendo uma avaliação sobre as necessidades para a Copa de 2022. “Ficaram bem interessados na nossa estrutura de comunicação e interação entre as equipes de rua e os centros de comando e controle”, comenta.

É importante destacar que a SBAIT criou um grupo no Whatsapp, com médicos de todo o País, inclusive os que estão atuando diretamente nos estádios, para troca de informações em tempo real sobre o que está acontecendo durante os jogos. Este grupo também está pronto para agir durante a Copa do Mundo em caso de acidentes que envolvam múltiplas vítimas. De acordo com o presidente da SBAIT, Gustavo Fraga, além de trocar experiências, os médicos que fazem parte do grupo podem acionar colegas de profissão para ajudar de forma voluntária no atendimento.

O cadastro do grupo é feito via Internet e demora cerca de um minuto. O profissional que se inscreve responde a várias perguntas, entre elas, o Estado em que atua e se aceita ser voluntário no caso de algum desastre.

Fonte: Assessoria de Imprensa SBAIT

News

SBAIT presente na coordenação e assistência médica dos jogos na Arena Castelão, Fortaleza (CE)

DSC07452

Posto Médico Avançado (PMA) da Arena Castelão, Fortaleza (CE)

Time da SBAIT está em campo durante a Copa do Mundo atuando em todo o país, especialmente nas cidades-sede dos jogos.

Em Fortaleza (CE), por exemplo, onde nesta terça-feira ( 17) será realizado o jogo Brasil e México, a SBAIT está representada pelo diretor da SBAIT,  Daniel Lima, na Direção Técnica Médica do Posto Médico Avançado (PMA) da Arena Castelão – Secretaria de Saúde do Estado do Ceará, em Fortaleza-CE.

DSC07464

Estrutura Interna do PMA da Arena Castelão

A equipe conta também com a participação de voluntários da Liga do Trauma da Universidade Federal do Ceará e da Universidade de Fortaleza (Unifor).

No último sábado, durante o jogo Uruguai e Costa Rica, foram realizados na Arena Castelão, 18 atendimentos sem gravidade, sendo quatro a turistas estrangeiros. No total, o PMA tem dez leitos, dois deles para pacientes graves. Há, ainda, três DSC07465ambulâncias do SAMU.

De acordo com o coordenador do PMA e diretor da SBAIT , Daniel Lima, expectativa é de grande movimento no PMA nesta terça feira,  em virtude do grande número de torcedores brasileiros e mexicanos que estão na cidade.

 

News

Treinamento de APH envolvendo produtos químicos é realizado em Araras (SP)

IMG_3071Nos dias 02, 03 e 04 de junho foi realizado treinamento de APH envolvendo Produtos Perigosos, na Sede da Intervias, na cidade de Araras (SP).

Todos os colaboradores do serviço de APH (médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e motoristas) participaram do treinamento, sendo divididos em 03 turmas, com duração de 10 horas/aula por turma.

O curso foi composto por aulas teóricas e práticas, abordando temas como descontaminação, manuseio de ABIQUIM, protocolos de atendimento, identificação do produto e conduta a ser tomada, entre outros, Também foi realizado um simulado de atendimento pré-hospitalar envolvendo produtos perigosos.

Segundo os instrutores, o treinamento foi finalizado com sucesso. Confira abaixo, galeria de imagens.

Contribuição: Dra Josiene Germano

News

Documentário retrata a rotina de um médico socorrista

A rotina de treinamento e atendimento de ocorrências de um médico socorrista são retratados nesse documentário realizado pelo Discovery Channel.

O documentário mostra ainda o lado pessoal desses profissionais e seus relatos sobre as realizações e desafios diários dessa profissão.

Confira o programa na íntegra, no vídeo abaixo:

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=bP362jC8sJc]

Mais episódios podem ser conferidos nos links abaixo:

Águias da Cidade – Voar Para Servir

Águias da Cidade – Não Basta Ser Piloto 

Águias da Cidade – Resgates Aeromédicos

Águias da Cidade –  Voar Para Salvar

News

SAMU de Araras (SP) realiza treinamento Pré-Hospitalar voltado ao atendimento ao traumatizado

IMG_4657

Participantes e Instrutores do treinamento

Em 30 de abril, os profissionais da equipe do SAMU de Araras (SP) realizaram, na sede da Intervias, um treinamento com carga horária de 8 horas. A pedido do coordenador médico do SAMU, Dr. Rodrigo Vilela,  foram abordados temas de Atendimento Pré-Hospitalar (APH) voltado para o atendimento ao traumatizado, como:

  • AULAS TEÓRICAS:  Avaliação e tratamento da vítima, cinemática do trauma, proteção dos recursos e segurança da cena.
  • AULAS PRÁTICAS:  Imobilização utilizando prancha longa, colar cervical, KED e multi-cinto; retirada de capacete, imobilização de bebê utilizando a cadeirinha e retirada rápida do veículo.

Esse treinamento foi mais uma atuação da equipe de APH da Intervias, voltada para o GERAR (Grupo Estratégico de Redução de Acidentes).

Confira galeria de imagens:

Contribuição: Dra Josi Germano

Fechar