Posts Populares

Congresso SBAIT

Inscrições abertas para o Trauma Brasil 2021!

O Congresso Trauma Brasil 2021 está oficialmente em contagem regressiva!

Já estão abertas as inscrições para o evento e também para o envio de resumos para a apresentação de trabalhos.

O TRAUMA BRASIL 2021 reunirá o XIV Congresso da SBAIT e o XXIII CoLT ( Congresso Brasileiro das Ligas de Trauma) e será realizado em um formato virtual.

“Este é um sonho que existe desde 2018, quando esta diretoria assumiu a SBAIT, tendo como um dos objetivos fazer um Congresso relevante para todos aqueles envolvidos no atendimento ao doente traumatizado. A pandemia mudou nossos planos. Inicialmente o Congresso mudou de 2020 para 2021. E agora, devido às incertezas relacionadas à pandemia, e para a segurança de todos, a Comissão do Congresso decidiu que esta edição será virtual. O Congresso presencial em São Paulo será adiado até que a pandemia nos permita realizá-lo”, esclarece o presidente da SBAIT, Dr. Tercio de Campos.

“O Congresso tem o objetivo de ser muito relevante para todos os profissionais que lidam em algum momento com o doente traumatizado. A diretoria atual está trabalhando forte juntamente com outros membros da sociedade, para entregar uma experiência única para todos, mesmo nesta situação anormal em todo o mundo”, reforça Campos.

A programação do TRAUMA BRASIL 2021 trará a oportunidade de discussão de temas importantes, desde o atendimento pré-hospitalar, até o trabalho da equipe multidisciplinar, técnicas de reanimação e de procedimentos, além de discussão de casos clínicos desafiadores. Teremos também sessões de temas livres, com premiação dos melhores trabalhos.

O TRAUMA BRASIL 2021 conta com o apoio da ABRAMEDE, além de sociedades internacionais como a Sociedade Pan-americana de Trauma e a Associação Lusitana de Trauma e Emergências Cirúrgicas, contribuindo com palestrantes internacionais.

Reserve as datas de 30 de novembro a 4 de dezembro para o maior evento de Trauma do Brasil.

Informações sobre o congresso e inscrições, acesse: https://traumabrasil.com.br/

Centros de Trauma

SBAIT é representada em reunião com Ministro da Saúde sobre Centros de Trauma

Dr. Milton Steinman, professor e cirurgião do Hospital Israelista Albert Einstein e Coordenador do Grupo de Trabalho sobre Centros de Trauma da Sociedade Brasileira de Atendimento Integrado ao Traumatizado (SBAIT), participou no último sábado 26/06 de reunião no Palácio do Governo da Paraíba, em João Pessoa, e apresentou o projeto Trauma Brasil 2021-2030, que faz parte do Plano Nacional de Mortes e Lesões no Trânsito (PNATRANS).

Durante reunião do governador João Azevêdo com o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, neste sábado (26), no Palácio da Redenção, em João Pessoa, foi apresentada a proposta de desenvolver na Paraíba um projeto piloto que visa à reestruturação da política de saúde pública para a rede de urgência e emergência no país.

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, afirmou que a proposta apresentada pela gestão estadual será analisada e destacou a importância dos estudos na busca de novas informações e soluções. “Nós vamos fazer a análise técnica do projeto do Trauma e trabalhar em conjunto para instituir uma política de enfrentamento que traga resultados melhores para esse problema de saúde pública”, comentou.

“Este projeto é um dos pilares mais relevantes para a SBAIT. A organização e estruturação de Centros de Trauma acreditados é fundamental para que o atendimento ao doente traumatizado seja feito por quem está preparado para isto, ou seja, o Cirurgião de Trauma” afirma Tercio De Campos, presidente da SBAIT. “A oportunidade de uma reunião com o Ministro é fundamental para levarmos este projeto à frente” continua.

“Quando criamos o Grupo de Trabalho sobre Centros de Trauma, entregamos para o Dr. Millton Steinman sua liderança. O Dr. Milton Steinman é um dos membros mais engajados no projeto de melhorar o atendimento ao Doente Traumatizado, desde que fundou suas bases no projeto chamado Trauma 2030. Não poderíamos ter mais sorte em ter o Dr. Steinman liderando este projeto. Seus frutos já começam a ser vistos. Além da Paraíba, São José dos Campos, SP e Belém, PA, fazem parte de projetos semelhantes” finaliza Tercio De Campos.

Imagem: Educa Saúde Paraíba

Salvando Vidas

“Queimaduras” é o tema do Programa Salvando Vidas de junho

Segundo o Ministério da Saúde (MS), as queimaduras são a segunda maior causa de hospitalização por motivos acidentais em nosso país.

Estes casos, de acordo com o MS, são principalmente decorrentes de escaldamentos (manipulação de líquidos quentes, como água fervente)
e situações de violência doméstica.

No Brasil, as queimaduras representam um grande agravo à saúde pública. Algumas pesquisas apontam que a maior parte ocorre nas residências das vítimas e quase a metade das ocorrências envolve a participação de menores de idade. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), 320 mil crianças morrem anualmente por queimaduras.

Segundo nota de alerta divulgada em julho de 2020 pela Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), devido ao isolamento social das famílias em função da pandemia COVID-19, foi observado aumento da incidência de queimaduras , relacionado ao uso de álcool. Segundo a Sociedade Brasileira de Queimaduras (SBQ) esta ocorrência cresceu 25% após início da pandemia, por isso , a SBP alerta para a importância de redobrar os cuidados com a presença de álcool 70% no domicílio para prevenção de acidentes, especialmente com crianças, pois, como a chama é praticamente invisível após a combustão do álcool em gel, a vítima acaba percebendo somente quando a queimadura já está acontecendo.

Nesse cenário desafiador, o melhor sempre é a prevenção, por esse motivo, o tema do Programa Salvando Vidas de junho é a prevenção à “Queimaduras”.

As orientações, divulgadas pelas Ligas do Trauma associadas ao Comitê Brasileiro de Ligas de Trauma (CoBraLT), levarão à população, informações sobre os tipos de queimaduras, como prevenir e como agir em caso de queimaduras.

Para saber mais, acompanhe :
https://cobralt.com.br/
https://www.facebook.com/CoBraLT/
https://www.instagram.com/cobralt.sbait/

Congresso SBAIT

TRAUMA BRASIL 2021 – edição virtual – SAVE THE DATE


Em razão do cenário da pandemia COVID-19 e pensando na segurança e melhor aproveitamento de todos, a comissão organizadora definiu o Congresso TRAUMA BRASIL 2021 como virtual.

O TRAUMA BRASIL 2021 reunirá o XIV Congresso da SBAIT e XXIII Congresso Brasileiro das Ligas do Trauma (CoLT), contando com o apoio da Sociedade Panamericana do Trauma (SPT), Associação Lusitana de Trauma e Emergência Cirúrgica (ALTEC) e Associação Brasileira de Medicina de Emergência (ABRAMEDE)

Reserve a data:

➡ TRAUMA BRASIL 2021 – edição virtual
Data: 30/nov a 04/dez de 2021

Em breve, informações sobre as inscrições e programação.

Prevenção

Campanha Maio Amarelo – Liga de Trauma PUC Campinas

A Liga de Trauma da PUC Campinas elaborou para a Campanha Maio Amarelo 2021 um vídeo e uma série de posts com dados gerais e atuais sobre as ocorrências no trânsito, sobre o Movimento Amarelo e também orientações sobre prevenção, abordando diversos temas, como fatores de risco no trânsito: celular, bebidas alcóolicas, excesso de velocidade e também orientações sobre como agir diante de ocorrências no trânsito.

Acompanhe a divulgação da Campanha Maio Amarelo elaborada pela Liga do Trauma da PUC Campinas pelas redes sociais da Liga :
https://www.instagram.com/ligadotrauma_puccampinas/ https://www.facebook.com/ligadotraumapuccamp

Prevenção

Maio Amarelo 2021: “Respeito e Responsabilidade: Pratique no Trânsito” – é o tema dessa edição

A 8ª edição do Movimento Maio Amarelo traz em 2021 o tema Respeito e Responsabilidade: Pratique no Trânsito, para conscientização de toda a sociedade na construção de um trânsito mais seguro para todos.

A campanha 2021 do Movimento Maio Amarelo, que será realizada no ambiente online, devido à pandemia da Covid-19, vai trazer a reflexão sobre atitudes como o respeito e a responsabilidade, importantes em todos os ambientes de convivência social, especialmente no trânsito.

A mensagem da campanha desse ano traz a empatia como o carro chefe da convivência:   “Não faça para o outro o que você não quer que alguém faça a você!”

Para José Aurelio Ramalho, diretor presidente do Observatório Nacional de Segurança Viária, idealizador do Movimento Maio Amarelo, “a campanha de 21 reflete bem toda nossa atual vivência no trânsito: muita impaciência e intolerância. É preciso parar e refletir como o trânsito representa o nosso atual estado de espírito. Por isso, o Maio Amarelo quer fazer pensar: será que é preciso ser assim?”, conclui Ramalho.

A campanha Maio Amarelo 2021 é composta por 23 peças publicitárias que estão disponíveis para download e utilizadas gratuitamente por empresas, entidades ou órgãos públicos, que poderão inserir sua logomarca nas peças. Para ter acesso ao material, clique no link abaixo:

Prevenção

Com crescimento dos casos de Covid-19, prevenção ao trauma é fundamental, alerta SBAIT

Casos de trauma podem ser evitados na maioria das vezes, apenas com
medidas preventivas do nosso dia a dia


Com o rápido crescimento do número de casos de Covid-19 e hospitais de todo o País chegando ao seu limite de atendimento, evitar casos de Trauma passou a ser fundamental. E, para conscientizar a população sobre isso, a SBAIT (Sociedade Brasileira de Atendimento Integrado ao Traumatizado) está fazendo um alerta para que as pessoas redobrem os cuidados nesse período, já que o trauma é um atendimento que pode ser evitado em mais de 90% dos casos apenas com medidas preventivas.
“A pandemia está fora de controle em muitas regiões do nosso País. Estamos no limite do atendimento e com falta de insumos. Por isso, precisamos, a qualquer custo, evitar outros tipos de atendimento médico nos hospitais, tanto pelo risco de contaminação quanto por comprometer ainda mais a estrutura atual”, afirma o presidente da SBAIT, Tércio de Campos.

“Em alguns casos, como urgências e emergências cirúrgicas, não temos como adiar, mas em outros, como os de trauma, sim”, completa.

A prevenção ao trauma, caracterizado por lesões causadas por fatores externos, como ocorrência de trânsito e violência, é eficiente e reflete diretamente no atendimento hospitalar.

“No início da pandemia, com o isolamento social, os casos de Covid-19 estavam crescendo, mas, em contrapartida, os de trauma diminuíram, já que as pessoas ficaram mais em casa.

Agora, não estamos sentindo o mesmo comportamento. Os casos de trauma continuam acontecendo normalmente”, destaca.

Para o presidente da SBAIT, é muito importante que as pessoas se conscientizem de que têm papel fundamental na prevenção ao trauma.

“Nós sempre ressaltamos que o trauma, terceira causa de morte no nosso País e que ainda deixa tantos sequelados, pode ser evitado em mais
de 90% dos casos”, diz. “As ocorrências de trânsito são um exemplo. Elas sempre ocorrem por algum tipo de negligência, seja do motorista, do pedestre, da falta de manutenção no veículo ou de problemas na pista. Já imaginou quantas vidas seriam poupadas de cada um fizesse a
sua parte?”, questiona Campos.

O mesmo vale para outros tipos de trauma, como os causados por violência, que, obviamente, sempre podem ser evitados com ponderação das partes envolvidas. “Até acidentes domésticos podem ser prevenidos. Sempre tem um fator que foi negligenciado: um objeto no meio do caminho, o descuido de alguém, uma escada que facilita uma queda, uma piscina que não foi
devidamente protegida”, menciona.

“Hoje, mais do que nunca, precisamos nos atentar a todo fator que possa desencadear uma lesão traumática. Nossos hospitais estão lotados, com atendimento comprometido. São ações muito simples com resultados realmente significativos”, reforça Campos.

Ações do dia a dia que podem evitar trauma:
No trânsito:
– Respeite as leis de trânsito: não use celular ao volante, não dirija com sono, não ultrapasse em locais proibidos e jamais dirija após consumir bebida alcoólica, mesmo que em pequenas quantidades.
– Sempre utilize o cinto de segurança e acomode crianças e bebês em dispositivos de segurança específicos para a idade, como bebê conforto, cadeirinha e assentos de elevação.

Em casa:
– Pratique a prevenção: utilize telas nas janelas, não deixe objetos cortantes ao alcance de criança, impeça o acesso a piscina, esconda objetos pequenos que possam ser engolidos, não deixe o chão molhado e escorregadio.

Violência:
– Evite brigas no trânsito, não se envolva em discussões de terceiros, denuncie casos de violência doméstica, evite o consumo exagerado de bebida alcoólica, que pode deixar a pessoa mais violenta, mantenha distância de pessoas com histórico de comportamento violento.

Salvando Vidas

“Salvando Vidas” divulga programação 2021

Lançado em 2015, o Programa Salvando Vidas , uma iniciativa do Comitê Brasileiro de Ligas de Trauma (CoBraLT) e SBAIT, visa levar oportunidades de treinamento e conscientização ao público leigo, promovendo uma adequada capacitação em primeiros socorros, com a parceria local das Ligas Acadêmicas de Cirurgia, Trauma e Emergência de todo o país, contribuindo para a prevenção das situações fatais relacionados à área de urgência, emergência e trauma no Brasil.

Mais de 100 Ligas acadêmicas de todo o país já participaram das ações do programa Salvando Vidas nos últimos anos, alcançando um público de mais de 150 mil pessoas de forma presencial e online.

O Programa Salvando Vidas (CoBraLT/SBAIT), Ciclo 2021, terá duração de 9 meses, abordando, a cada mês, um tema para orientação de prevenção à população, conforme programação abaixo:

Março : Engasgo
Abril: Ferimentos
Maio: Maio Amarelo
Junho: Queimaduras
Julho: Prevenção ao Trauma Infantil
Agosto: Intoxicações e Convulsões
Setembro: Reanimação Cardiopulmonar, Prevenção em casa e Setembro Amarelo.
Outubro: Acidentes com animais peçonhentos
Novembro: Salvamento Aquático, Prevenção a acidentes por raios
Dezembro: Dicas de Prevenção CoBraLT

Para saber mais sobre o programa, ou como cadastrar sua Liga para participar, entrar em contato com o CoBraLT pelo email cobralt@sbait.org.br

Cirurgia do Trauma

Valorização do Cirurgião de Trauma: Uma necessidade do Brasil

A Pandemia da COVID-19 tem causado impacto imenso em nosso país, que no final do mês de março de 2021 ocupa o triste ranking de segundo país mais afetado do mundo com relação ao número de casos e número de mortos. E, esta pandemia, escancarou as dificuldades que temos em nosso sistema de saúde, com falta de leitos, indisponibilidade de UTIs e de profissionais qualificados, o que têm piorado de modo progressivo nas últimas décadas. É neste cenário que atendemos os pacientes vítimas de Trauma.
Segundo dados da Organização Pan-Americana da Saúde, 5,8 milhões de pessoas morrem todos os anos devido ao trauma em todo o mundo. Por outro lado, até o momento, 2,7 milhões de pessoas no mundo morreram de COVID-19 desde o início da pandemia. No Brasil, são cerca de 400 mortes por dia devido a causas externas, ou cerca de 17 mortes por hora. Acreditamos que com a vacinação a Pandemia irá diminuir e um dia acabar. O Trauma, infelizmente não. A vacina do Trauma é a prevenção.

O tratamento específico do Trauma passa necessariamente pelo Cirurgião do Trauma. Um profissional bem preparado, envolvido com sua sociedade, a SBAIT, e liderando projetos pelo país faz a diferença na prevenção e no tratamento de doentes traumatizados, podendo reduzir de modo significativo os números de morte devido ao Trauma no Brasil.

A SBAIT é uma sociedade sem fins lucrativos cuja missão é Liderar, Inspirar e Capacitar as pessoas na prevenção e cuidado às vítimas de Trauma no país, e tem como um de seus objetivos valorizar o Cirurgião de Trauma, para que este possa atuar nesta missão e contribuir com a melhora de toda a linha de cuidado ao doente traumatizado.

O reconhecimento e a valorização do cirurgião de Trauma não passa pela necessidade da Cirurgia do Trauma ser uma especialidade. O Conselho Federal de Medicina através de sua comissão mista de especialidades, composta por dois representantes do Conselho Nacional de Residência Médica, dois representantes do Conselho Federal de Medicina e dois representantes da Associação Médica Brasileira, relaciona 55 especialidades e 59 áreas de atuação registradas no Brasil. E, o Conselho Federal de Medicina em conjunto com a Associação Médica Brasileira, por meio de sua Comissão Nacional de Acreditação que concede os títulos de especialistas, determinam por suas direções que não serão criadas novas especialidades no país. Deste modo, é de fundamental importância a valorização da Área de Atuação em Cirurgia do Trauma, grande conquista obtida em nossa sociedade. Além disto, o médico pode anunciar como suas no máximo duas especialidades, além de sua área de atuação, no caso a Cirurgia do Trauma. Conquista importante a ser valorizada por todos nós. E conquista que deve ser renovada a cada ano na participação efetiva da SBAIT junto ao Colégio Brasileiro de Cirurgiões na prova de Certificação em Cirurgia do Trauma. A participação da SBAIT em todos os eventos relacionados ao Trauma no país é fundamental não apenas para a SBAIT, mas também para a credibilidade do evento junto às entidades organizadoras. O principal objetivo desta participação é a valorização do profissional que está sendo capacitado, missão primordial da SBAIT.

A valorização do Cirurgião do Trauma passa por vários outros pontos:

– A preferência em editais e concursos relacionados a cargos de liderança em todas as esferas, como já tem acontecido em vários locais;

– O Cirurgião de Trauma deve ainda ser o líder dos Centros de Trauma, conceito que se espalha por todo o país. Mas que deve ser disseminado com estrutura, organização e princípios básicos, como a SBAIT tem proposto através de seu planejamento estratégico;

– A valorização do Cirurgião de Trauma passa ainda pela verificação e acreditação de Centros de Trauma, de modo a uniformizar e democratizar critérios, de modo a estimular e valorizar Centros de Trauma que atendam pacientes privados e principalmente do SUS, e que são pilares do tratamento de doentes traumatizados em todo o país;

– E o treinamento dos Cirurgião de Trauma deve certamente ser valorizado, através de uma residência reestruturada, obtida com dois anos de formação, aos moldes do que o Colégio Brasileiro de Cirurgiões implementou, passando de dois para três anos o tempo de formação do Cirurgião Geral. O conceito é o mesmo. Quanto mais tempo de formação melhor. Difícil este dado ser contestado;

  • A visão de futuro através dos alunos de medicina. Junto com os cirurgiões de trauma, há uma verdadeira legião de alunos ligados às ligas de trauma, garantindo o futuro da missão da SBAIT;
  • O fortalecimento da Sociedade com mais sócios, e maior envolvimento de cada um, fazendo com que a sociedade tenha sua devida representatividade.

Temos convicção que em conjunto com as entidades representativas da Medicina, o Colégio Brasileiro de Cirurgiões, a ABRAMEDE, entre outras associações, a SBAIT conseguirá executar seu papel na nobre missão de reduzir de modo drástico os números trágicos de mortes por trauma no Brasil.

Tercio De Campos
Presidente da SBAIT

SBAIT

Campanha SOU + SBAIT é lançada aos sócios

Está lançada a campanha SOU + SBAIT !

Uma oportunidade com muitos benefícios para os atuais e futuros sócios da SBAIT . O objetivo é incentivar e aumentar ainda mais a participação dos sócios, fortalecendo cada vez mais nossa Sociedade.

Como funciona
Benefícios para quem indica e quem é indicado:

– Indicação de 2 novos sócios, ganha uma caneca da SBAIT;
– Indicação de 5 novos sócios, ganha a caneca e desconto de 5% para cada sócio;
– Indicação de 10 sócios, ganha a caneca e 10% de desconto para cada novo sócio;
– Indicação de 20 sócios ou mais, além da caneca e 10% de desconto, quem indicou ganha a anuidade daquele ano.

SOU + SBAIT

A campanha Sou + SBAIT já começou a ter alcance e resultados. O Capítulo SBAIT-MG é um exemplo desse fortalecimento por meio da indicação de novos membros.

O sócio SBAIT, Dr. Mário Pastore Neto , coordenador da Residência em Cirurgia do Trauma e da Clínica Cirúrgica do Hospital Risoleta Tolentino Neves (Belo Horizonte/BH) e idealizador da campanha Sou + SBAIT , acaba de indicar 30 novos sócios para a SBAIT . Essa é a maior contribuição de novos sócios que a SBAIT já teve documentada e dessa forma, o Hospital Risoleta Neves é o Serviço com maior número de sócios da SBAIT no país.

Para ele, essa campanha representa, ao divulgar a SBAIT entre seus colegas, difundir ainda mais o conceito que “SBAIT é Cirurgia do Trauma. Cirurgia do trauma forte, SBAIT forte”.

“O hospital Risoleta Neves faz parte da Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa – FUNDEP , da Universidade Federal de Minas Gerais e drena uma região com uma população de 1,5 milhão, a mais carente de Belo Horizonte e englobando cidades vizinhas. O pronto socorro conta com mais de 30 especialistas credenciados pela SBAIT em cirurgia do trauma. Com o segundo maior programa de residência em trauma do Brasil e mais de 40 cirurgiões do trauma já formados desde o início do programa, contribuindo para o atendimento especializado do trauma. Os concursos de admissão do hospital para cirurgião exigem a habilitação em trauma”, ressalta Dr Mario Pastore Neto.

A campanha SOU + SBAIT visa ampliar o alcance da SBAIT e sua missão de liderar, inspirar e capacitar as pessoas na prevenção e cuidado às vítimas de trauma no Brasil.

Dessa forma, poderemos , juntos, promover ainda mais a união e capacitação dos profissionais em todo o país, aprimorando ainda mais a qualidade do atendimento.

Junte-se a nós! Faça parte do time SBAIT.

Como associar-se

Além de médicos, profissionais de áreas que atuam diretamente no atendimento ao traumatizado também podem tornar-se membros SBAIT .

Dessa forma, podem associar-se à SBAIT na Categoria Multiprofissional, enfermeiros, técnicos de enfermagem, farmacêuticos, fisioterapeutas, psicólogos, assistentes sociais, socorristas, condutores de veículos de saúde, bombeiros, entre outros profissionais da área de saúde, o que reforça o sentido de integração das áreas para o Atendimento Integrado ao Traumatizado, como a SBAIT valoriza.

Novos sócios podem inscrever-se pelo link: www.sbait.org.br/br/associe-se

Em caso de dúvidas, estamos à disposição pelo email secretaria@sbait.org.br ou whatsapp (11) 98630-0911.

Fechar