Tag

SAMU

News

Prova de Conceito com uso de Drones é realizada em Porto Alegre (RS)

Em julho de 2017 foi realizado em Porto Alegre, RS uma  Prova de Conceito (POC) com uso de Drone (modelo Mavic  Pro) com transmissão de imagens aéreas em tempo real para o Videowall do Centro Integrado de Comando da Cidade de Porto Alegre.

Segundo o médico Luciano Eifler, membro da diretoria do capítulo SBAIT-RS,  o objetivo foi avaliar a qualidade de transmissão da imagem, distância e alcance de voo e demonstrar a possibilidade de uso do equipamento como ferramenta no socorro a Múltiplas Vítimas e apoio a missões críticas envolvendo a Guarda Municipal, Defesa Civil e Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

O equipamento utilizado nesta Prova de Conceito foi o Drone Mavic da Marca DJI que tem autonomia aproximada de 30 minutos de voo, desloca na velocidade de até 65 km por hora e cobre uma distância de 8 Km a partir da base de controle. Conta com câmera de alta resolução (4K) com envio de vídeo em tempo real por serviço de Streaming Live.

O modelo de Drone utilizado cobre uma distância de 8 Km a partir da base de controle

O projeto piloto com a utilização de Drones pelo Centro Integrado de Comando da Cidade de Porto Alegre (CEIC) pretende agregar informações através da transmissão de imagens diretamente da cena em grandes eventos e incidentes, auxiliando na gestão de situações de crise pelos diversos órgão que integram a Prefeitura. O CEIC conta com Videowall de 16 metros de comprimento composto por 39 telas de 55 polegadas e sala de controle com 24 posições de trabalho e utiliza o videomonitoramento para o planejamento operacional da cidade, prevenção e atendimento de emergências

A Guarda Municipal de Porto Alegre conta também com Centro de Comando Móvel (ônibus) com moderna tecnologia e estrutura para captação de imagens. O veículo tem câmeras acopladas que fornecem monitoramento em um raio de até 30 metros. Com o uso do Drone essa capacidade pode ser ampliada em um raio de até 8 Km utilizando o Centro Móvel como base de apoio logístico nas operações.

Com a Utilização do Drone a capacidade de captura de imagem pode ser ampliada em um raio de até 8 Km utilizando o Centro de Comando Móvel como base de apoio nas operações.

Videowall do Centro Integrado de Comando da Cidade de Porto Alegre.

A Prova de Conceito realizada em Porto Alegre demonstrou grande potencial na utilização de Drones em missões críticas, servindo de referencial para ações futuras e novos projetos. O emprego desta tecnologia proporciona a implementação de medidas preventivas em eventos de grande porte e qualifica a assistência no atendimento em emergências, sendo importante ferramenta para gestão de crise.

Importante salientar que o uso de Drones deve respeitar as Normas e Procedimentos de segurança da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) publicada em 02 de Maio de 2017, que proibe a utilização dos equipamentos em caráter recreativo ou comercial a menos de 30 metros de pessoas sem prévia autorização, com exceção de operações de segurança pública ou defesa civil.

News

Simpósio comemora 20 anos de SAMU em Ribeirão Preto

IMG_8003

Evento recebeu muitos profissionais com atuação em Urgência e Emergência

1º Simpósio de Atendimento Pré-Hospitalar realizado em 16 de agosto, no Centro de Convenções Ribeirão Preto, marcou a comemoração dos 20 anos do SAMU Regional Ribeirão Preto, recebendo muitos profissionais com atuação em Urgência e Emergência.

A programação  promoveu durante as conferências e oficinas, atualizações do APH – Atendimento Pré-Hospitalar, por meio discussões e análises de situações reais.

O evento contou com a presença de diversos membros da  SBAIT, entre eles, o presidente Sandro Scarpelini, como um dos palestrantes.

Confira alguns momentos do evento:

 

News

SBAIT orienta como agir em caso de ocorrências de trânsito

resgateAo acionar um serviço de resgate, é importante que a pessoa tenha em mãos informações decisivas para um bom atendimento

A SBAIT está divulgando uma série de orientações para que as pessoas saibam como agir, ao acionarem um serviço de resgate para atendimento de uma ocorrência de trânsito com vítima. Informações passadas corretamente ao atendente facilitam e agilizam o atendimento e, consequentemente, a chegada do socorro.

Ao se deparar com uma ocorrência de trânsito com vítima, o primeiro passo é ficar em segurança e verificar se as vítimas estão em segurança também. A partir disso, é necessário solicitar um serviço de resgate.  O número mais comum para este tipo do atendimento é o do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) – 192. Outros números úteis são o 193 (Corpo de Bombeiros) e o da Polícia Militar (190).

O atendente vai solicitar uma série de informações e, para agilizar este atendimento, é muito importante que você tenha em mãos: o endereço correto do local da ocorrência, se há algum tipo de vazamento de combustível, se há alguém preso nas ferragens, quantas vítimas são (e se há crianças entre elas), se há vítimas andando, se estão conscientes ou inconscientes.

“Quanto mais fiel à cena da ocorrência for a informação passada ao serviço, melhor será o atendimento. O número de viaturas, o tipo de viatura… tudo isso depende muito do estado das vítimas. Com uma checagem rápida no local, qualquer pessoa pode passar informações muito importantes para o serviço médico”, explica o coordenador do Comitê de Atendimento Pré-Hospitalar da SBAIT, Rodrigo Caselli.

É importante destacar que as vítimas, por mais que pareçam bem, só devem ser movidas por uma equipe médica, salvo no caso de estarem correndo algum risco, como serem atropeladas. Ainda assim, é importante comunicar ao atendente esta situação e seguir suas orientações. “O ideal, para evitar novas ocorrências, é sinalizar o local e, se for o caso, impedir a passagem de veículos”, reforça Caselli.

O presidente da SBAIT, Sandro Scarpelini, explica que, no calor da emoção e na pressa de acionar um resgate, as pessoas não fornecem informações necessárias. “Às vezes, em alguns segundos, você pode ter uma ideia geral da cena da ocorrência. Este pequeno tempo que parece estar atrasando o resgate certamente vai agilizar lá na frente. É preciso manter a calma em uma situação como esta”, frisa.

 

News

Profissionais do SAMU de Sergipe visitam CCR AutoBAn

image002

Grupo conheceu o trabalho desenvolvido pelo Resgate da concessionária

Com o objetivo de conhecer o trabalho realizado pelo Atendimento Pré-Hospitalar (APH) da CCR AutoBAn, referência em todo o país em Resgate em rodovias, um grupo de profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência  (SAMU) de Sergipe (SE), composto pelo superintendente do órgão, o médico Victor Vilhena Barroso, e dos diretores da Fundação Hospitalar de Saúde em Sergipe, Luciana Prudente Franco e Luiz Hamilton Santana, visitou a sede da CCR AutoBAn, em Jundiaí, hoje, segunda-feira, 13. O grupo foi recebido pelo coordenador-médico da concessionária, Mário Jorge de Castro Kodama, que falou sobre a estrutura do APH, os recursos utilizados pela equipe, e como é realizado o atendimento no Sistema Anhanguera-Bandeirantes.

“Com esta visita, queremos levar um pouco da experiência e das tecnologias aplicadas pela CCR AutoBAn para a nossa nova central de regulação, que deve ser inaugurada em breve. Ficamos impressionados com a estrutura e com os modernos recursos que são utilizados pelo APH da concessionária”, disse Luiz Hamilton Santana, diretor geral da Fundação Hospitalar de Saúde em Sergipe. “Tenho certeza de que muito do que vimos aqui e também nas visitas aos Samu de Jundiaí e de Campinas será utilizado”, completou.

O Atendimento Pré-Hospitalar (APH) da CCR AutoBAn, nome técnico do Resgate, é um dos mais conceituados do país. Foi o primeiro a obter a certificação da National Association of Emergency Technicians, instituição americana referência mundial no protocolo de atendimento pré-hospitalar. Composto por 13 unidades móveis de resgate, incluindo  viatura de apoio de uso exclusivo da equipe médica, o resgate da CCR AutoBAn conta com cerca de 100 profissionais – entre médicos, enfermeiros, técnicos em enfermagem, condutores – em constante processo de aperfeiçoamento e certificados internacionalmente.

Uncategorized

Bahia: Caso de engasgo chama atenção para primeiros socorros

Na última terça-feira, (29), uma criança de 4 anos morreu engasgada com o próprio dente durante procedimento odontológico , no município de Ubaitaba, a 380 km de Salvador.

O fato chamou atenção para os primeiros socorros em uma situação como essa. O membro da SBAIT e coordenador do SAMU -Salvador (BA), Dr Ivan Paiva e o enfermeiro Rogério Dourado, mostraram, ao vivo, em entrevista à tv local, as manobras recomendadas para esses casos que podem ser realizadas até a chegada do resgate.

Segundo especialistas, acidentes causados por objetos que caem na garganta ou vias respiratórias são comuns, principalmente em crianças.

Confira a matéria, na íntegra, clicando na imagem e links abaixo:

Imagem1

Dr Ivan Paiva demonstrando a manobra em adultos. Imagem: G1 Bahia

Morte de criança engasgada chama atenção para os primeiros socorros; saiba o que fazer ( Portal G1 Bahia, 31/07/14)

Criança na Bahia morre engasgada com próprio dente após extração (Portal G1 Bahia, 30/07/14)

 

 

 

News

Ação “Copa do Mundo 2014 SAMU 192 DF” supera expectativas.

SAMU 192 DF - EQUIPE EM QAP NO PMA FAN FEST BRASÍLIA

Equipe em QAP no PMA Fan Fest Brasília

Durante aproximadamente dois anos, o SAMU do Distrito Federal se preparou para o maior evento da história do Brasil e do DF, a Copa do Mundo 2014. Para esta ação, foram desenvolvidos pelo Núcleo de Educação em Urgências (NEU-SAMU), diversos cursos de aperfeiçoamento e reciclagem, além de treinamentos diversos e simulados de ações já ocorridas ou que poderiam vir a ocorrer, tais como (Incêndio no Metrô, enfrentamento entre torcidas, dentre outros). Tudo foi feito para que durante o período da Copa do Mundo, as equipes multidisciplinares do SAMU 192 DF estivessem totalmente prontas e preparadas para qualquer tipo de situação em que fosse necessária a intervenção de nossas equipes. Nesses cursos foram treinados inclusive os servidores considerados “leigos”, ou seja, os que não são profissionais de saúde. Todos os servidores da área administrativa realizaram o curso de Suporte Básico de Vida para atuarem durante a Copa do Mundo 2014.

SAMU 192 DF - COMBOIO COM DESTINO A FAN FEST BRASÍLIA

Comboio com destino à Fan Fest Brasília

As ações foram realizadas durante todos os dias da Copa do Mundo 2014, incluindo a Prevenção do Estádio em dias que não ocorreram jogos ou FIFA Fan Fest, o que totalizou trinta e dois dias de atuação consecutiva.

O SAMU 192 DF atuou tanto no perímetro do Estádio, quanto na FIFA Fan Fest, onde assumiu a responsabilidade de cuidar do Posto Médico do evento e ambulâncias foram colocadas em pontos específicos dentro e fora da área delimitada para oferecer todo suporte à população local e turistas participantes do evento.

SAMU 192 DF POSTO MÉDICO AVANÇADO NA FAN FEST BRASÍLIA

Posto Médico Avançado na Fan Fest Brasília

Além disso, as equipes do SAMU ficaram responsáveis por atuar em ações pontuais durante a Copa, como o suporte realizado no acampamento dos torcedores argentinos na Granja do Torto, onde o SAMU em menos de 18 horas do momento da solicitação realizada pela Secretaria de Estado de Saúde, montou um Posto Médico Avançado (PMA) naquele local, com duas ambulâncias e dois veículos de Intervenção Médica.

Nos dias de jogos da seleção brasileira (em Brasília ou não) e todos os jogos realizados em Brasília, o SAMU atuou no perímetro do Estádio e no Posto Médico localizado na FIFA Fan Fest com aproximadamente 110 servidores de diversas áreas, incluindo: Médicos, Enfermeiros, Técnicos em Enfermagem, Condutores de Emergência, Técnico Administrativos, Psicólogos, Assistentes Sociais e Profissionais de Comunicação Social, além de voluntários da Cruz Vermelha Brasileira.

SAMU 192 DF - VIATURA BASEADA NA FAN FEST BRASILIA

Viatura baseada na Fan Fest Brasília

Além disso, o SAMU contou com uma enorme estrutura para o evento, contando com dez ambulâncias, oito motolâncias, dois Postos Médicos Avançados (PMA), um Posto Móvel de Regulação, quatro Veículos de Intervenção Médica, duas unidades de Suporte a Múltiplas Vítimas (caso fosse necessário).

Toda essa logística foi utilizada desde o início do mundial e foram contabilizados 646 atendimentos em um total de trinta e dois dias consecutivos de ação, com resolução de aproximadamente 95% dos casos no local do atendimento (PMA Estádio, prevenção do Estádio ou FIFA Fan Fest) sendo que apenas 33 pessoas precisaram ser removidas ou encaminhadas aos hospitais para exames mais detalhados.

SAMU 192 DF - VIATURAS BASEADAS NO PERÍMETRO DO ESTÁDIO NACIONAL - BRASILIA

Viaturas baseadas no perímetro do Estádio Nacional – Brasília

Segundo o Gerente do SAMU-DF , Dr. Rodrigo Caselli: “A Copa do Mundo foi uma grande oportunidade para testar toda estrutura e logística de atendimento que temos para atuação em eventos de massa, além de termos conseguido atingir a excelente marca de 95% de resolução de atendimentos pré-hospitalar e traumas de menor complexidade no próprio local do ocorrido, o que certamente desafogou a nossa rede hospitalar”.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação SAMU 192 DF

Crédito imagens: SAMU-DF

News

Equipes a postos no Estádio Mané Garrincha (DF) para o jogo Brasil x Camarões desta segunda-feira

IMG-20140623-WA0008

Equipe de atendimento – Posto Médico Avançado (PMA) do Estádio Mané Garrincha, Brasília (DF) – 23/06, Jogo Brasil x Camarões

Segunda-feira, 23 de junho, dia de mais um jogo do Brasil pela Copa do Mundo 2014, dessa vez no estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF). Logo cedo as equipes de atendimento pré-hospitalar já mobilizaram-se e deram início aos preparativos.

Na área periférica do estádio, são montados os Postos Médicos Avançados (PMA) . Há também as equipes de atendimento que atuam na Fanfest. A partir das 8h, a equipe já estava reunida para traçar um briefing do dia.

Por volta das 9h30,  o comboio dirigiu-se para a Fanfest e estádio. Às 11h, a equipe deu início à montagem do Posto Móvel de Regulação (PMR), estabelecendo contato com todos os Centros de Comando e Controle e com os hospitais.

Confira abaixo, algumas imagens das etapas de preparação da equipe de atendimento do SAMU-DF para o jogo Brasil x Camarões, uma partida com expectativa de mais de 70.000 torcedores.

 

News

Trabalho dos médicos começa logo pela manhã no jogo Brasil e Camarões

Equipes que atendem no estádio e na Fanfest iniciam atividades às 8h e seguem até depois da partida

Dia de jogo é dia de muito trabalho para os profissionais que atuam nos Postos Médicos Avançados (PMA) na área periférica dos estádios e nas Fanfests. A rotina deles começa logo cedo. Na próxima segunda-feira, no jogo Brasil e Camarões, em Brasília, a partir das 8h, a equipe já está reunida para traçar um briefing do dia. E só retornam à base por volta de 22h.

Por volta das 9h30, sai o comboio para a Fanfest e para o estádio. Às 11h, eles se estabelecem nos Postos Médicos Avançados (PMA´s) e iniciam a montagem do Posto Móvel de Regulação (PMR), estabelecendo contato com todos os Centros de Comando e Controle e com os hospitais. Após o término do evento, as estruturas são desmobilizadas e retornam à base do SAMU por volta de 22h.

O SAMU é responsável pelos atendimentos na área periestádio em todos os dias de jogo. Dentro do estádio, é um serviço privado da FIFA. Cabe também ao SAMU o atendimento nas Fanfests. Em todos eles, a estrutura básica é composta por duas Unidades de Suporte Básico, duas Unidades de Suporte Avançada e quatro Motolâncias, dispostas estrategicamente pela área do evento.

Há, ainda, o PMR, que é um braço da Central de Regulação de Urgências do SAMU, responsável por regular as ocorrências da área do evento e manter contato com as unidades móveis, PMA´s, Hospitais de referência e Centros de Comando e Controle. Em cada estrutura, há cerca de 60 profissionais trabalhando, entre médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, psicólogos, condutores, agentes administrativos e equipe de comunicação social.

“Mas nada disso interfere no funcionamento normal da Central de Regulação 192 do SAMU e das 38 unidades móveis para o atendimento à população”, explica o coordenador do SAMU do Distrito Federal e coordenador do Comitê do Pré-hospitalar da SBAIT (Sociedade Brasileira de Atendimento Integrado ao Traumatizado), Rodrigo Caselli.

De acordo com Caselli, toda a estrutura disponibilizada pelo SAMU é móvel e já existente. “Normalmente, ela é utilizada para eventos de massa ou desastres, exceto uma área destinada ao PMA da Fanfest, disponibilizada pela organização do evento”, explica. Ele disse, ainda, que a equipe de Brasília recebeu uma comissão do Qatar, que está fazendo uma avaliação sobre as necessidades para a Copa de 2022. “Ficaram bem interessados na nossa estrutura de comunicação e interação entre as equipes de rua e os centros de comando e controle”, comenta.

É importante destacar que a SBAIT criou um grupo no Whatsapp, com médicos de todo o País, inclusive os que estão atuando diretamente nos estádios, para troca de informações em tempo real sobre o que está acontecendo durante os jogos. Este grupo também está pronto para agir durante a Copa do Mundo em caso de acidentes que envolvam múltiplas vítimas. De acordo com o presidente da SBAIT, Gustavo Fraga, além de trocar experiências, os médicos que fazem parte do grupo podem acionar colegas de profissão para ajudar de forma voluntária no atendimento.

O cadastro do grupo é feito via Internet e demora cerca de um minuto. O profissional que se inscreve responde a várias perguntas, entre elas, o Estado em que atua e se aceita ser voluntário no caso de algum desastre.

Fonte: Assessoria de Imprensa SBAIT

News

Arena Pernambuco conta com hospital de campanha para atender aos torcedores durante os jogos da Copa do Mundo

IMG-20140620-WA0005

Equipe SAMU Recife a postos para atendimento durante jogo Itália e Costa Rica

Nesta sexta-feira, o jogo Itália e Costa Rica,  realizado na Arena Pernambuco, em Recife, contou mais uma vez com a estrutura da Unidade Avançada de Apoio à Saúde (UAA) e equipe para atender aos torcedores.

IMG-20140620-WA0002

Hospital de Campanha – Arena Pernambuco

Para os jogos, a estrutura na Arena Pernambuco conta com um hospital de campanha e a integração entre os órgãos envolvidos – Exército, Polícia Rodoviária Federal, Corpo de Bombeiros e profissionais das Secretarias Estadual e Municipal de Saúde . A equipe também possui um atendimento diferencial aos turistas estrangeiros, contando com o atendimento de uma poliglota, nos idiomas inglês, espanhol, francês e italiano.

Segundo o coordenador do SAMU, Leonardo Gomes, médico associado da SBAIT, no último jogo,  o atendimento no plantão da UAA, da Arena Pernambuco, transcorreu com tranquilidade. Apenas quatro pessoas necessitaram dos serviços das equipes de saúde. Os casos registrados foram de mal estar e quedas, sem gravidade.

News

SBAIT não para nem no feriado

Dr. Galesso (primeiro à esq.) e equipe do GRAU em São Paulo.

Dr. Galesso (primeiro à esq.) e equipe do GRAU em São Paulo.

Hoje, 19 de julho, é feriado de Corpus Christi em todos país e a imensa maioria das pessoas não trabalha. Porém, isso não é a realidade para muitos profissionais que atuam com urgência e emergência. Entre os associados da SBAIT muitos realizam plantões nos feriados, seja no pré ou intra hospitalar. Com a Copa do Mundo ocorrendo no Brasil parece ser um dia perfeito para assistir jogos e descansar. Porém, para alguns colegas da SBAIT o trabalho começou cedo, principalmente para os envolvidos no atendimento pré hospitalar nos estádios e na FanFest que está sendo realizada em várias capitais.

PMA do SAMU DF

PMA do SAMU DF

PMA do SAMU DF

PMA do SAMU DF

Em Brasília ocorrerá o jogo Colômbia x Costa do Marfim às 13 h, e logo cedo o SAMU DF, que é coordenado pelo Dr. Rodrigo Caselli Belém, diretor do Comitê de Pré Hospitalar da SBAIT, já mobilizava as suas equipes. O SAMU DF tem um Posto Médico Avaçado (PMA) junto a Arena Mané Garrincha, e também realiza o atendimento na FanFest. Já em São Paulo ocorrerá o jogo Uruguai x Inglaterra às 16 h. na Arena Corinthians (Itaquerão) e as equipes do GRAU (Grupo de Resgate e Atenção às Urgências e Emergências), que realizam as missões de resgate aeromédico pela Secretaria de Segurança Pública e Secretaria Estadual de Saúde (SES), e do Corpo de Bombeiros já estavam se preparando para os atendimentos no início da manhã.

O Dr. Ricardo Galesso Cardoso, médico do GRAU e membro da SBAIT, é um dos colegas no plantão. A SBAIT continua com o projeto “Torcida SBAIT na Copa”. Com esse projeto todos os sócios estão na torcida para que nenhum evento adverso que gere vítimas de traumatismo aconteça, mas uma vez ocorrendo, a SBAIT está organizando uma lista de cirurgiões e profissionais do pré hospitalar que se colocam à disposição para ajudar o nosso país no atendimento de traumatizados. Vários sócios já se cadastraram para participar da lista no WhatsApp. Para fazer o seu cadastro, você médico, com experiência no atendimento de traumatizados, pode acessar o site : https://pt.surveymonkey.com/s/torcidasbaitnacopa

Confira também, pelo vídeo abaixo, o momento em que as ambulâncias do SAMU DF se deslocam para o estádio Mané Garrincha.

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=_DijoGY6-RM]

Fechar