Tag

Salvando Vidas

News

Tema “Convulsões” encerra primeiro ciclo de atividades do Projeto Salvando Vidas (CoBraLT/SBAIT)

FLYER A5 - FRENTE - JULHO - SALVANDO VIDAS (1)O Projeto Salvando Vidas (CoBraLT/SBAIT) encerra seu primeiro ciclo de atividades -2015/2016 neste mês de julho, com o tema “Convulsões”, a ser trabalhado diretamente com a população pelos membros das Ligas Acadêmicas de Trauma e Emergência,

Nos últimos dez meses, o Projeto alcançou 7.250 pessoas presencialmente e cerca de outras 40 mil com ações online. O objetivo é ensinar leigos a salvarem vidas em situações diferentes. A nova edição deve começar no mês de setembro.

Saiba mais acessando o site do Comitê Brasileiro das Ligas de Trauma- CoBraLT:  http://cobralt.com.br/

Folder de orientação – Julho/2016 – tema: Convulsões

FLYER A5 - VERSO - JULHO - SALVANDO VIDAS (1)

News

Ações realizadas pelo Projeto Salvando Vidas em junho

Imagem9

Equipe da LAMUEM-UFMT-CUR, em orientação em escola de educação infantil em Rondonópolis (MT)

O Projeto “Salvando Vidas – CoBraLT/SBAIT” trabalhou em junho com o tema “Medidas para prevenção de intoxicações”, contando com a participação das Ligas Acadêmicas de Trauma e Emergência em ações diretamente com a comunidade:

  • Belo Horizonte (MG): Liga de Emergência e Trauma da Universidade José do Rosário Vellano (LET-UNIFENAS)
  • Ribeirão Preto (SP): Liga do Trauma da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (LT-FMRP-USP);
  • Rondonópolis (MT): Liga Acadêmica de Medicina de Urgência e Emergência do Centro Universitário de Rondonópolis da Universidade Federal do Mato Grosso (LAMUEM-UFMT-CUR).
  • Porto Alegre (RS): Liga de Trauma e Emergência da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (LTE-UFRGS).

Foram capacitadas por meio das ações sociais presenciais aproximadamente 155 pessoas. Nas redes sociais, o projeto “Salvando Vidas – CoBraLT/SBAIT” alcançou cerca de 1100 pessoas.

Imagem6

LT-FMRP-USP durante a ação: “Cuidado! Sua coluna é frágil” e “Não dê as costas para o perigo”.

Em destaque está a ação da LT-FMRP-USP realizada no dia 14 de junho na praça XV de Novembro em Ribeirão Preto em parceria com a Liga de Neuro da FMRP-USP visando à prevenção do trauma vertebromedular utilizando os slogans “Cuidado! Sua coluna é frágil” e “Não dê as costas para o perigo”.

Neste mês de Julho de 2016, o projeto trabalhará com o tema “CONVULSÕES”. Será o último mês de atividades antes do fechamento deste primeiro ciclo de ações (2015/2016). O próximo ciclo de atividades do programa “Salvando Vidas – CoBraLT/SBAIT” iniciará em setembro de 2016.

 

 

Durante os 10 meses de trabalho do Projeto Salvando Vidas, já foram contabilizadas:

 

 

  • Ações sociais presenciais: 7.250, média de 725 pessoas/mês;
  • Ações de comunicação e marketing: 40.300, média de 4.100 pessoas/mês.
  • Local das ações:
    • Total: 19;
    • Cidades: Campinas (SP); Ribeirão Preto (SP); Rio de Janeiro (RJ); Volta Redonda (RJ); Belo Horizonte (MG); Alfenas (MG); Juiz de Fora (MG); Porto Alegre (RS); Canoas (RS); Boa Vista (RR); Teresina (PI); Goiânia (GO); Brasília (DF); Maceió (AL); Campo Grande (MS); Vila Velha (ES); Jequié (BA); Araguaína (TO); Rondonópolis (MT).
  • Ligas Acadêmicas de Trauma e Emergência:
    • Total: Até o momento, 44 Ligas aceitaram participar, sendo que 30 realizaram alguma ação de apoio ao projeto neste primeiro ciclo de ações (2015/2016).
    • Apoio Institucional:
      • O projeto Salvando Vidas – CoBraLT/SBAIT contou com o apoio da iniciativa público e privada, especialmente das Instituições de Ensino Superior (IES) locais, demonstrando o interesse destas instituições em se aproximar da comunidade em geral levando conhecimento e ajudando a prevenir situações comuns em urgência e emergência.

Imagens do Projeto Salvando Vidas em junho:

Imagem5 Imagem1 Imagem10 Imagem13

News

“Medidas para prevenção de intoxicações” é o tema do Projeto Salvando Vidas em junho

FLYER A5 - FRENTE - JUNHO - SALVANDO VIDASEm junho, o Projeto “Salvando Vidas” trabalhará com o tema “Medidas para prevenção de intoxicações”, contando com a participação de Ligas de Trauma e Emergência de diversas regiões do país:

  • Ribeirão Preto (SP): Liga do Trauma da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (LT FMRP USP)
  • Jequié (BA): Liga de Trauma da Universidade Estadual da Bahia, Campus Jequié (LTUESB)
  • Boa Vista (RR): Liga do Trauma de Roraima (LTRR)
  • Araguaína (TO): Liga Araguainense do Trauma (LAT) / Liga Araguainense do Trauma de Enfermagem (LATE)
  • Vila Velha (ES): Liga Acadêmica Capixaba de Cirurgia (LIACC)
8

LET-UNIFENAS em ação no dia 11 de junho

O Projeto Salvando Vidas está no décimo mês de atividades. Até o momento, foram capacitadas mais de 7.000 pessoas por meio das ações sociais e aproximadamente 40.000 alcançadas pelas redes sociais.

No dia 11 de junho na Praça Central de Alfenas – Getúlio Vargas – Alfenas (MG), ocorreu uma ação social realizada pela equipe da Liga de Emergência e Trauma da Universidade José do Rosário Vellano (LET-UNIFENAS). Foram capacitadas cerca de 30 pessoas. 

Folder de orientação – “Medidas para prevenção de intoxicações”

FLYER A5 - VERSO - JUNHO - SALVANDO VIDAS

News

Projeto “Salvando Vidas” trabalhou em maio com o tema “Prevenção de lesões por raios”.

LATEM-UFMS

Liga Acadêmica do Trauma e Emergência Médica da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (LATEM-UFMS)

Em maio, o Projeto “Salvando Vidas” (CoBraLT/SBAIT) trabalhou o tema  “Prevenção de lesões por raios”. No total, sete Ligas Acadêmicas de Trauma e Emergência realizaram ações em diversas regiões do país:

  • Teresina (PI): Liga Acadêmica de Trauma e Emergência do Piauí (LATE-PI)
  • Campo Grande (MS):Liga Acadêmica do Trauma e Emergência Médica da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (LATEM-UFMS)
  • Porto Alegre (RS): Liga de Trauma e Emergência da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (LTE-UFRGS)
  • Campinas (SP): Liga do Trauma da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas (LT – UNICAMP)
  • Goiânia (GO): Liga Acadêmica de Cirurgia do Trauma da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (LACIT-PUCGO)
  • Canoas (RS): Liga do Trauma da Universidade Luterana do Brasil (LT-ULBRA)
  • Belo Horizonte (MG): Liga do Trauma e Emergência da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade José do Rosário Vellano – UNIFENAS (LITE-UNIFENAS).

Foram capacitadas por meio das ações sociais presenciais aproximadamente 1300 pessoas. Nas redes sociais, o projeto “Salvando Vidas – CoBraLT/SBAIT” alcançou 4217 pessoas.

Neste mês de Junho de 2016, o projeto “Salvando Vidas – CoBraLT/SBAIT” trabalhará com o tema “MEDIDAS PARA PREVENÇÃO DE INTOXICAÇÕES”. 

Confira imagens das ações de maio em todo o país

News

“Prevenção de lesões por raios” é o tema do Projeto “Salvando Vidas” em maio

FLYER A5 - FRENTE - MAIO - SALVANDO VIDASEm maio, o Projeto “Salvando Vidas – CoBraLT/SBAIT” trabalha com o tema  “Prevenção de lesões por raios”. Membros de sete Ligas Acadêmicas de Trauma e Emergência realizam ações de orientação em diversas regiões do país:

  • Porto Alegre (RS): Liga de Trauma e Emergência da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (LTE-UFRGS)
  • Terezina (PI): Liga Acadêmica de Trauma e Emergência do Piauí (LATE-PI)
  • Campo Grande (MS): Liga Acadêmica do Trauma e Emergência Médica da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (LATEM-UFMS)
  • Boa Vista (RR): Liga do Trauma de Roraima (LTRR)
  • Alfenas (MG): Liga de Emergência e Trauma da Universidade José do Rosário Vellano (LET-UNIFENAS)
  • Jequié (BA): Liga de Trauma da Universidade Estadual da Bahia, Campus Jequié (LTUESB)
  • Goiânia (GO): Liga Acadêmica de Cirurgia do Trauma da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (LACIT-PUCGO).

As ações de Porto Alegre (RS), Terezina (PI) e Campo Grande (MS) já ocorreram na primeira quinzena de maio e contabilizaram mais de 300 pessoas capacitadas. Confira:

 

 

 

News

“Acidente com animais peçonhentos” foi o tema trabalhado durante o mês de abril, no Projeto Salvando Vidas

Imagem16

Ação realizada pela Liga do Trauma da Universidade Luterana do Brasil (LT-ULBRA)

“Acidente com animais peçonhentos” foi o  tema trabalhado durante o mês de abril no Projeto Salvando Vidas ( CoBraLT/ SBAIT), que contou com a participação de sete Ligas Acadêmicas de Trauma e Emergência:

  • Boa Vista (RR): Liga do Trauma de Roraima (LTRR)
  • Teresina (PI): Liga Acadêmica de Trauma e Emergência do Piauí (LATE-PI)
  • Alfenas (MG): Liga de Emergência e Trauma da Universidade José do Rosário Vellano (LET-UNIFENAS)
  • Jequié (BA): Liga de Trauma da Universidade Estadual da Bahia, Campus Jequié (LTUESB)
  • Campinas (SP): Liga do Trauma da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas (LT – UNICAMP)
  • Goiânia (GO): Liga Acadêmica de Cirurgia do Trauma da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (LACIT-PUCGO)
  • Canoas (RS): Liga do Trauma da Universidade Luterana do Brasil (LT-ULBRA)

Foram capacitadas por meio das ações presenciais aproximadamente 320 pessoas. Nas redes sociais, o projeto “Salvando Vidas – CoBraLT/SBAIT” alcançou 2.700 pessoas.

Durante o mês de abril, as Ligas Acadêmicas de Trauma e Emergência contaram com o apoio de entidades público / privadas para a realização de diversas ações:

  • Campinas (SP): Sociedade Brasileira de Salvamento Aquático (SOBRASA), Sociedade Hípica de Campinas (SHC) e Instituto Terzius®
  • Canoas ( RS): Centro de Informações Toxicológicas do Rio Grande do Sul ( CIT-RS)
  • Jequié (BA): Colégio da Polícia Militar da Bahia

No dia 26 de abril ocorreram ações integradas entre o projeto “Salvando Vidas – CoBraLT/SBAIT” e o curso “Emergências Aquáticas – Prevenção, Resgate e Primeiros Socorros” promovidas pela LT-UNICAMP em parceria com a SOBRASA. Na ocasião, os membros da SOBRASA, Dr. David Szpilman, Fábio Braga Martins e Regis Amadeu, participaram como instrutores das atividades de conscientização.

Neste mês de Maio de 2016, o projeto “Salvando Vidas – CoBraLT/SBAIT” trabalhará com o tema “PREVENÇÃO DE LESÕES POR RAIOS”. 

Confira as ações do mês de abril realizadas pelos Membros das Ligas de Trauma e Emergência em todo o país:

News

“Acidente com animais peçonhentos” é o tema do Projeto Salvando Vidas (SBAIT/CoBraLT) de abril

CARTAZ A3 - ABRIL - SALVANDO VIDAS“Acidente com animais peçonhentos”  é o tema definido para as orientações à população no Projeto “Salvando Vidas” (CoBraLT/SBAIT) .

Sete Ligas Acadêmicas de  Trauma e Emergência de diversas regiões do país já confirmaram a participação no Projeto durante esse mês:

  • Boa Vista (RR): Liga do Trauma de Roraima (LTRR)
  • Terezina (PI): Liga Acadêmica de Trauma e Emergência do Piauí (LATE-PI);
  • Alfenas (MG): Liga de Emergência e Trauma da Universidade José do Rosário Vellano (LET-UNIFENAS);
  • Jequé (BA): Liga de Trauma da Universidade Estadual da Bahia, Campus Jequié (LTUESB)
  • Campinas (SP): Liga do Trauma da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas (LT – UNICAMP);
  • Goiânia (GO): Liga Acadêmica de Cirurgia do Trauma da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (LACIT-PUCGO);
  • Juiz de Fora (MG): Liga do Trauma e Emergência da Universidade Federal de Juiz de Fora (LATE-UFJF).

Os membros das Ligas trabalharão ações presenciais de orientações à população leiga e também campanhas online. Duas equipes já realizaram ações presenciais em abril, totalizando até o momento, 70 pessoas capacitadas:  A Liga do Trauma de Roraima ( LTRR) realizou ação no Centro de Ciências da Saúde da Universidade Federal de Roraima, ( Boa Vista /RR) no dia 05 de abril e a Liga Acadêmica de Trauma e Emergência do Piauí ( LATE-PI), realizou ação presencial no Centro de Ciências da Saúde da Universidade Federal do Piauí (Teresina/PI), em 08 de abril.

Estão participando e apoiando o projeto “Salvando Vidas – CoBraLT/SBAIT” 42 Ligas Acadêmicas de Trauma e Emergência de todas as regiões brasileiras.

Saiba mais:

http://cobralt.com.br/

Folder utilizado no Projeto Salvando Vidas abril: Tema: “Acidente com animais peçonhentos” FLYER A5 - VERSO - ABRIL - SALVANDO VIDAS

 

News

Projeto Salvando Vidas trabalhou em março orientações sobre o tema “Afogamento”

Salvando Vidas março“AFOGAMENTO” foi o tema trabalhado durante o mês de março no Projeto Salvando Vidas (CoBraLT/SBAIT).

O Projeto contou com a participação e apoio de oito Ligas Acadêmicas de Trauma e Emergência de diversas regiões do país no desenvolvimento de ações sociais presenciais e/ou de comunicação e marketing sobre o tema:

  • Liga do Trauma de Roraima (LTRR)
  • Liga Araguainense do Trauma de Enfermagem (LATE)
  • Liga Araguainense do Trauma (LAT)
  • Liga Universitária Tocantinense de Trauma e Emergência (LUTTE)
  • Liga de Trauma, Emergência e Medicina Intensiva da Universidade de Fortaleza (LITEMI-UNIFOR)
  • Liga do Trauma da Universidade Luterana do Brasil (LT-ULBRA)
  • Liga de Emergência e Trauma da Escola Superior de Ciências da Saúde do Distrito Federal (LET-ESCS-DF)
  • Liga Universitária de Trauma e Emergência da Universidade Estácio de Sá Campos João Pessoa (LUTREC-UNESA).

As ações sociais presenciais ocorreram nas cidades de Boa Vista (RR), Araguaína (TO) e Porto Alegre (RS). Na capital Gaúcha, a equipe da Liga do Trauma da Universidade Luterana do Brasil (LT-ULBRA) realizou uma ação social de treinamento em parceria com o projeto de prevenção Surf Salva, organizado pela equipe da Sociedade Brasileira de Salvamento Aquático (SOBRASA), no Clube Grêmio Náutico União.

  • Total de pessoas leigas capacitadas via ações sociais presenciais: 160;
  • Total de pessoas alcançadas pelas ações de comunicação e marketing nas redes sociais e webpages: 3.847

Durante o mês de abril de 2016, o Projeto Salvando Vidas trabalhará com o tema “ACIDENTE COM ANIMAIS PEÇONHENTOS.

Confira imagens das ações de março:

Liga do Trauma de Roraima (LTRR)

12923352_983213331756048_2888679466553312257_n 12472573_983213338422714_2201403818238393188_n Capacitação dos membros da Liga do Trauma de Roraima (LTRR) 12670538_985003041577077_6702604375846487908_n 12961472_985003028243745_3753495256407657725_n 12928261_985002951577086_1666608350022604989_n 12919710_985002948243753_8642750556129916975_n 12961268_985002941577087_2536726870010084952_o

Liga Araguainense do Trauma (LAT/TO) e Liga Araguainense do Trauma de Enfermagem (LATE):

Liga Araguainense do Trauma (LAT_TO) Liga Araguainense do Trauma (LATTO)

Material de orientação elaborado pela Liga do Trauma da Universidade Luterana do Brasil (LT-ULBRA):

 

News

“Afogamento” é o tema do “Projeto Salvando Vidas” em março

Em março, o Projeto “Salvando Vidas” (CoBraLT/SBAIT)  trabalhará com o tema FLYER A5 - FRENTE - MARÇO - SALVANDO VIDAS“AFOGAMENTO”.

Membros das equipes de Ligas e Emergência planejam ações presenciais de orientações à população leiga. Também são trabalhadas campanhas online de prevenção.

Estão participando e apoiando o projeto “Salvando Vidas – CoBraLT/SBAIT” 42 Ligas Acadêmicas de Trauma e Emergência de todas as regiões brasileiras.

 

FLYER A5 - VERSO - MARÇO - SALVANDO VIDAS

News

Projeto Salvando Vidas em fevereiro trabalhou o tema “Ferimentos”

FLYER A5 - FRENTE - FEVEREIRO - SALVANDO VIDAS okCom o tema “FERIMENTOS”, em fevereiro o Projeto Salvando Vidas ( CoBraLT/SBAIT) realizaou ações sociais presenciais contando com a participação, sete Ligas Acadêmicas de Trauma e Emergência em várias regiões do país:

  • Juiz de Fora (MG): Liga do Trauma e Emergência da Universidade Federal de Juiz de Fora (LATE-UFJF)
  • Alfenas (MG): Liga de Emergência e Trauma da Universidade José do Rosário Vellano – UNIFENAS (LET-UNIFENAS);
  • Goiânia (GO): Liga Acadêmica de Cirurgia do Trauma da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (LACIT-PUCGO);
  • Araguaína (TO): Liga Araguainense do Trauma (LAT);
  • Araguaína (TO): Liga Araguainense do Trauma de Enfermagem (LATE);
  • Teresina (PI): Liga Acadêmica de Trauma e Emergência da Universidade Federal do Piauí (LATE-PI);Boa Vista (RR):
  • Liga do Trauma de Roraima (LTRR).

Também foram realizadas ações de comunicação e marketing do projeto contando com o apoio das Ligas:

  • Liga de Emergência e Trauma da Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (LiET-UFCSPA);
  • Liga do Trauma da Universidade Luterana do Brasil (LT-ULBRA).

O projeto alcançou no mês de fevereiro, 315 pessoas leigas capacitadas presencialmente via ações sociais e um total de 3000 pessoas alcançadas pelas ações de comunicação e marketing nas redes sociais e webpages.

Em março o tema  trabalhado pelos membros das Ligas será “AFOGAMENTO”.

Confira imagens das ações realizadas em fevereiro:

Fechar