Tag

P.A.R.T.Y. Campinas

P.A.R.T.Y. Brasil

Convite – P.A.R.T.Y. Brasil

A Liga do Trauma da Unicamp convida todas as Instituições interessadas em conhecer o Programa P.A.R.T.Y. ( Prevenção do Trauma Relacionado ao Álcool na Juventude) a comparecerem na edição especial do P.A.R.T.Y. Campinas, em 28 de maio de 2019.
Essa é uma oportunidade para conhecer na prática uma edição do Programa, que já possui núcleos em diversas regiões do Brasil: Ribeirão Preto (SP), Campinas Unicamp (SP), Campinas- PUC Campinas, (SP),
Vitória (ES), São Luis (MA), Sorocaba (SP), São José dos Campos (SP), Canoas (RS), Maceió (AL).

Sobre o programa

O Programa P.A.R.T.Y. é voltado a jovens de 15 a 18 anos, cursando o Ensino Médio. Eles são convidados a vivenciarem uma edição do P.A.R.T.Y. em sua localidade, onde participam de palestras com parceiros ( representantes do SAMU, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, profissionais do Trânsito e de áreas de saúde) que mostram a eles as consequências que uma decisão de beber e dirigir pode acarretar, já que essa é uma idade em que estão prestes a adquirirem a licença para dirigir.

O momento da vivência é um dos pontos altos do encontro, onde os alunos possuem a oportunidade de conversar com pacientes vítimas reais do Trauma e conhecer a estrutura do Hospital envolvida no atendimento a esses pacientes e sua reabilitação. Em seguida, também conversam com voluntários do programa que convivem com sequelas do trauma no trânsito.

Estão entre os objetivos do programa P.A.R.T.Y. : Educar os jovens a reconhecerem os riscos no trânsito, Conscientizar os jovens sobre a responsabilidade pessoal por suas escolhas, aumentar o conhecimento dos jovens sobre as consequências da lesão na qualidade de vida para o indivíduo, família, amigos e comunidade, promover iniciativas de prevenção de trauma e contribuir para a redução da incidência do trauma relacionada com o uso de álcool na juventude.

História

O Programa P.A.R.T.Y. – Prevenção do Risco de Trauma Relacionado ao uso de Álcool na Juventude, foi iniciado no Centro de Ciências da Saúde de Sunnybrook – Canadá, em janeiro de 1986 com a ajuda de uma enfermeira emergencista, a enfermeira Joanne Banfield.

O Programa foi moldado e desenvolvido primeiramente por membros da equipe de trauma do Hospital de Sunnybrook, onde o índice de acidentes de adolescentes mortos ou gravemente feridos em acidentes de trânsito era alto.

Desde o primeiro P.A.R.T.Y, na década de 80, o programa tem crescido imensamente. Atualmente ele é bem difundido em todo o Canadá e já se expandiu para outros países como: Austrália, Brasil, Japão, Alemanha e Estados Unidos, tendo mais de 1 milhão de jovens conscientizados; Inclui mais de 100 sites ao redor do mundo e continua a crescer e desenvolver-se tanto no Canadá quanto internacionalmente.

O P.A.R.T.Y. foi implantado no Brasil pela USP de Ribeirão Preto/SP em 2008 e na Unicamp em Campinas em 2010.

A SBAIT implantou o P.A.R.T.Y. Brasil em 2013, buscando a prevenção primária do trauma em jovens prestes a obter a Carteira Nacional de Habilitação, CNH.  O modelo seguido é utilizado em todo o mundo e seus resultados são reconhecidos pela comunidade científica internacional.

Visite o site do Programa P.A.R.T.Y. Canadá: www.partyprogram.com

Saiba mais sobre o P.A.R.T.Y. Brasil:
https://programapartybrasil.wordpress.com/


CONVITE

Conheça o P.A.R.T.Y. Brasil / Campinas – Unicamp

Data: 28/05/19
Local: Auditório do Hospital de Clínicas da Unicamp.
Informações: ligadotraumaunicamp@gmail.com

P.A.R.T.Y. Brasil, Prevenção

Canoas (RS) sedia mais um núcleo P.A.R.T.Y. no Brasil e realiza sua primeira edição

No dia 18/11/17, no Hospital de Pronto Socorro de Canoas, aconteceu o primeiro P.A.R.T.Y. – Prevenção ao Risco de Trauma Relacionado ao Álcool na Juventude – do Rio Grande do Sul. O projeto surgiu no Canadá há 27 anos e vem se difundindo por países como Alemanha, Austrália, Estados Unidos e Brasil. Em nosso estado, a Liga do Trauma da ULBRA, em conjunto com a SBAIT, são as instituições responsáveis pela implantação do projeto que busca a prevenção primária do trauma em jovens prestes a obter a Carteira Nacional de Habilitação. A conscientização sobre os riscos associados entre o consumo de bebida alcoólica e a direção são meios de diminuir as tristes estatísticas que essa combinação de fatores acarreta. O modelo seguido é utilizado em todo o mundo e seus resultados são reconhecidos pela comunidade científica internacional.

O evento contou com a participação de 35 jovens entre 17-20 anos e inúmeros parceiros e, após algumas palestras educativas, levou os jovens para dentro do pronto socorro para mostrar de perto a realidade dos traumatizados.

Para a Liga do Trauma da ULBRA,  foi uma honra dar início ao PARTY, pois, após expormos as consequências de escolhas erradas no trânsito, obtivemos um retorno positivo que nos fez acreditar na importância do projeto em prol de um trânsito mais humano.”

Integrantes Liga do Trauma ULBRA

Abaixo, depoimento de uma mãe, de uma vítima do álcool x direção, que participou do evento, enviado para um dos integrantes da Liga do Trauma Ulbra:

Adorei ter participado do projeto foi muito importante para mim. Quando criei o movimento “Gabriel Marques- Paz no Trânsito, Paz na Vida”, foi com objetivo de conscientizar sobre os riscos que conduzir um veículo oferece ao não termos prudência, responsabilidade. Ou seja, tentar transformar em educação a tragédia que nos tirou alguém tão amado. Eu que te agradeço e à Liga, do fundo do meu coração pela oportunidade. Conte “sempre” que quiser comigo, adorarei poder participar. Sei o quanto é importante o trabalho de prevenção e sonho com um futuro melhor. Convivi muito com jovens e jovens bons, do bem, com valores, e acredito que o mundo pode melhorar pois aposto muito nessa juventude. Pessoas como tu e teus colegas. Foi o que vi hoje! Senti em vocês o lema do Gabriel, UM POR TODOS E TODOS POR UM. E um dos grandes ensinamentos que ele nos deu: SE NADA NOS SALVA DA MORTE, O AMOR NOS SALVA A VIDA!! Um carinhoso beijo e o meu mais profundo agradecimento!!

 

News

P.A.R.T.Y. Campinas especial recebe interessados em implantar o programa em diversas regiões do país

P.A.R.T.Y. Campinas especial, com 18 convidados interessados em implantar o Programa em suas cidades.

O P.A.R.T.Y. Campinas desta terça-feira, 16, foi especial. Além de receber 40 alunos da EE Carlos Gomes, também reuniu representantes de Serviços de diversas regiões do país, interessados em conhecer mais detalhadamente o funcionamento do programa com o objetivo de implantar em suas regiões.

Estiveram presentes 18 convidados de São José dos Campos (SP), Campinas (SP), Manaus (AM), Maranhão (MA), Maceió (AL), Passo Fundo (RS), Canoas (RS) e Florianópolis (SC).

Em Campinas (SP) atualmente há dois centros do Programa P.A.R.T.Y.  ( Unicamp e PUC Campinas), sendo que em breve poderá ser implantado o terceiro centro na cidade, no Hospital Mário Gatti. Dessa forma, todos hospitais terciários públicos da cidade possuirão centro ativo do Programa P.A.R.T.Y.

Thiago Calderan, orientador da Liga do Trauma da Unicamp, frisa que “é muito importante a ampliação do programa P.A.R.T.Y em outros centros do Brasil e mundo para estimular a prevenção ao trauma”. Ele ressalta ainda que “para montar um programa é essencial que os envolvidos vivenciem esta experiência e respeitem os princípios do P.A.R.T.Y., originado no Canadá. Este foi o segundo passo, segundo ele. O primeiro é querer. O terceiro está em firmar parcerias, porque nenhum centro na situação do Brasil consegue manter e crescer sem parcerias firmes”, reforça.

A edição especial do P.A.R.T.Y. Campinas fez parte da programação do Maio Amarelo na cidade, aproveitando a presença dos convidados que também participarão da II Jornada SBAIT de Prevenção ao Trauma e II Simpósio Internacional do Programa P.A.R.T.Y, que contará com a presença da fundadora do Programa P.A.R.T.Y., Joanne Benfield. Esses   eventos ocorrerão durante o “Campinas 2017”, que reunirá de 18 a 20 de maio em Campinas (SP), três grandes eventos, incluindo o XIX Congresso Brasileiro das Ligas de Trauma.

Sobre o Programa P.A.R.T.Y. 

O Programa P.A.R.T.Y.  (Prevenção do Risco de Trauma Relacionado ao uso de Álcool na Juventude) foi iniciado no Centro de Ciências da Saúde de Sunnybrook em janeiro de 1986 com a ajuda da enfermeira emergencista Joanne Banfield. Desde então, o Programa P.A.R.T.Y. foi entregue a mais de 1 milhão de jovens e já expandiu-se para mais de 100 programas ao redor do mundo.

Voltado para estudantes que cursam os últimos anos do Ensino Médio, faixa etária prestes a obter a Carteira Nacional de Habilitação – CNH, o programa propõe uma reflexão com esses jovens sobre os riscos que estão sujeitos no trânsito, caso escolhas ruins sejam feitas. Durante as oficinas, os estudantes assistem palestras e conhecem de perto a realidade de uma

P.A.R.T.Y. Brasil

O primeiro Programa P.A.R.T.Y. no Brasil  foi implantado em Ribeirão Preto no ano de 2008 e a partir daí cresceu para as cidades de Sorocaba, Vitória e Campinas, atuando com dois centros. Em 2013, tornou-se P.A.R.T.Y. Brasil, vinculado à Sociedade Brasileira de Atendimento Integrado ao Traumatizado (SBAIT). Objetivo é ampliar o programa para todas as regiões do país.

Para saber mais sobre o P.A.R.T.Y., visite o site P.A.R.T.Y. Brasil ou entre em contato com o CoBraLT ( Comitê Brasileiro das Ligas de Trauma) .

Saiba mais informações sobre como implantar um P.A.R.T.Y. em sua região acessando o post: Workshop explica a acadêmicos os passos para a implantação do P.A.R.T.Y. em suas cidades

Confira momentos do P.A.R.T.Y. Campinas especial do dia 16/05.

Fechar