Posts Populares

News

Laparoscopia em cirurgias de emergência e trauma garante precisão no tratamento e diminui tempo do paciente em hospital

Vítimas de acidentes de trânsito são os principais atendidos por cirurgiões da especialidade

Hoje, o trauma representa a principal causa de morte na população abaixo de 40 anos no mundo, sendo também responsável pela maior causa de invalidez permanente para homens e mulheres com menos de 50 anos. Diariamente, milhares de pacientes em situação de emergência por complicação de doenças ou vítimas de traumas, ocasionados pelos mais diversos tipos de acidentes, são atendidos em hospitais, por isso cada vez mais é necessária atualização e qualificação especializada dos cirurgiões para que a tomada de decisões seja assertiva a fim de preservar a vida dos pacientes. Neste sentido, aliada as já consagradas modalidades de tratamento em cirurgia do trauma, a laparoscopia auxilia tanto no diagnóstico preciso quanto no tratamento, além de proporcionar recuperação mais rápida e diminuir o tempo dos pacientes nos hospitais.

Dr. Marcelo Ribeiro em curso no IRCAD Barretos

De acordo com o diretor do curso de Emergência e Trauma do IRCAD América Latina (Instituto de Treinamento em Técnicas Minimamente Invasivas), unidade Barretos, secretário geral da Sociedade Brasileira de Atendimento Integrado ao Traumatizado e professor titular da UNISA, Marcelo Ribeiro, as cirurgias de trauma e emergência representam um grande desafio, mesmo para os cirurgiões mais experientes, por isso é importante que os cirurgiões estejam sempre atualizados.

Nos dias 13 e 14 de junho, será ministrado curso avançado para cirurgiões de todo Brasil, onde além de ricas discussões de casos com especialistas do Brasil, Estados Unidos e Colômbia, será permitido aos alunos o treinamento de manobras em cirurgia do trauma assim como na abordagem laparoscópica para tratamentos agudo e de trauma, “a laparoscopia diagnóstica dá maior precisão no diagnóstico de lesões principalmente nas vítimas de trauma que se encontrem estáveis e também pode, por exemplo, excluir a necessidade de cirurgias com grandes incisões como a laparotomia, sendo a via laparoscópica um procedimento que acelera a recuperação do paciente e diminui sua permanência no hospital”, disse.

Entre as doenças mais comuns nos atendimentos de emergência estão apendicite, pancreatite, diverticulite, colecistite entre outras, já entre as situações de trauma, as principais ocorrências são com as vítimas de acidentes de trânsito, que, segundo o Conselho Federal de Medicina, mandam para o hospital 20 pacientes a cada hora no Brasil, além de ferimentos por armas de fogo e arma branca, quedas, queimaduras e acidentes em geral.

SBAIT

Cerimônia de posse da nova diretoria SBAIT é realizada durante o Campinas 2019

Ocorreu no dia 30 de maio, após a abertura oficial do Campinas 2019,  a cerimônia de posse festiva da nova diretoria SBAIT ( Gestão 2019/2020).
O novo presidente da SBAIT, Dr. Tércio de Campos assumiu a presidência após o mandato de dois anos do Dr. José Mauro da Silva Rodrigues. na cerimônia, os dois discursaram sobre a importância da sociedade, agradeceram a todos que, de alguma forma, contribuem com a entidade, e falaram do legado deixado até agora e dos planos.

Transição presidentes Dr José Mauro da Silva Rodrigues (Gestão 2017-2018) e Dr Tercio de Campos (Gestão 2019-2020)

Dr Tercio de Campos, presidente da SBAIT em seu discurso

Confira a composição da nova diretoria SBAIT  ( gestão 2019/2020):

Presidente – Dr Tércio de Campos (SP)
1º vice-presidente – Dr. Amauri Clemente da Rocha
2º vice-presidente – Dr. Rogério Fett Schneider
Secretário geral – Dr. Marcelo Augusto Fontenelle Ribeiro
1º secretário – Dr. Fábio Henrique de Carvalho
2º secretário – Dr. Hélio Machado Vieira Jr
1º tesoureiro – Dr. Bruno Monteiro Tavares Pereira
2º tesoureiro – Dr. Lívio José Suretti Pires
Conselho Fiscal: André Gusmão (BA), Carlos Alberto Fagundes (ES), Sizenando Starling (MG), Sandro Scarpelini (SP) e Carlos Otávio Corso (RS).

Coordenadores dos comitês

Coordenadores dos Comitês:

Pré-Hospitalar – Dr. Daniel Souza Lima (CE)
Educação – Dr Gustavo P. Fraga (SP)
Desastres- Dr André Gusmão (BA)
Qualidade e Registro de Trauma – José Gustavo Parreira (SP)
Prevenção – Danilo Stanzani (SP)
Acreditação –Dr. Edivaldo Massaro Utiyama (SP)
Ligas do Trauma -Thiago Rodrigues A. Calderan (SP)

Ex-presidentes SBAIT

Também foram homenageados os novos membros honorários.

  • Dr. Alberto F. Garcia Marin (Membro Honorário Internacional)
  • Dr. Eduardo Kanaan (Membro Honorário In Memoriam)
  • Dr. Iwan Augusto Collaço (Membro Emérito e Honorário)
  • Dr. Samir Rasslan (Membro Emérito e Honorário)
  • Dr. José Mauro da Silva Rodrigues (Membro Honorário)

Dr. Alberto F. Garcia Marin (Membro Honorário Internacional)

Após a cerimônia, Dr Raul Coimbra realizou a conferência de abertura do Campinas 2019.

Dr Raul Coimbra durante a conferência de abertura

Delegação SBAIT-RS presente no evento

O Campinas 2019 aconteceu no Royal Palm Hall, em Campinas/SP no período de 29/05 a 01/06, reunindo quatro grandes eventos de saúde: o Intergastro & Trauma 2019 (IG&T), o 9th World Congress of the Abdominal Compartment Society, o XIII Simpósio Internacional da SOBED e o XI Congresso Estadual de Videocirurgia da SOBRACIL-SP.

Participaram cerca de 1,5 mil profissionais de mais de 260 cidades de todos os estados brasileiros e 8 países. O evento trouxe 62 palestrantes internacionais e perto de 350 palestrantes nacionais.

SBAIT

Novo logotipo da SBAIT é apresentado durante Assembleia.

Durante a Assembleia da SBAIT realizada na noite dessa quarta-feira, 29, no Centro de Convenções Royal  Palm Hall, em Campinas/SP, foi apresentado o novo logotipo da Sociedade, uma modernização do logo atual, mas mantendo a identidade original da Sociedade.

O novo logotipo reúne em sua identidade as características da bandeira do Brasil estilizada, a integração de pessoas com mãos unidas, representando as diversas áreas e profissionais que atuam no atendimento ao traumatizado aliando ao símbolo de uma cruz , representando o atendimento e socorro aos pacientes.

O novo logo foi desenvolvido por uma agência de comunicação, baseado em estudo da marca e do significado que ela possui. Acompanhe a criação do conceito da nova marca:

 

Eventos

Simpósio Maio Amarelo de Urgência e Emergência – Coimbra e Campinas

O Simpósio Maio Amarelo de Urgência e Emergência – Coimbra e Campinas ocorreu nesta terça-feira, 28 no Auditório do Hospital de Clínicas da Unicamp, contando com a presença de profissionais de Coimbra (Portugal) e de Campinas/SP, compartilhando suas experiências na área com o público presente.

O evento teve início com a palestra “Abordagem sistematizada do paciente com trauma na sala de emergência”, com a presença do enfermeiro Eladio Cardoso -Hospital Universidade de Coimbra e do enfermeiro Kleber de Souza Melo Rocchi – Unidade de Emergência Referenciada – HC Unicamp.

Na sequência, a palestra “Manutenção de doador de órgãos” contou com a participação dos convidados enfermeiro Eladio Cardoso -Hospital Universidade de Coimbra e do enfermeiro Ms. Klênio de Oliveira Bonfim – HC Unicamp.

O Simpósio teve a participação da Profª Drª Ana Paula Boaventura ( Faculdade de Enfermagem da Unicamp) como moderadora.

O evento teve realização do Departamento de Enfermagem HC Unicamp, Disciplina de Cirurgia do Trauma ( Unicamp), faculdade de Enfermagem, PUC-Campinas e Hospital das Clínicas da Unicamp. A SBAIT foi uma das instituições apoiadoras, juntamente com Terzius, GGBS (Grupo Gestor de Benefícios Sociais) e Intergastro & Trauma, evento que ocorre em Campinas de 29 de maio a 01 de junho de 2019.

 

Cursos

Pela primeira vez nas Américas, o European Trauma Course (ETC) é realizado em Campinas/SP

Pela primeira vez nas Américas,  o  European Trauma Course (ETC) ocorreu em Campinas/SP, de 27 a 29 de maio de 2019. O ETC é um curso de imersão em atendimento ao traumatizado voltado para médicos e outros profissionais de saúde que foi desenvolvido em Malta e depois na Bélgica, em 2008, sendo considerado o estado de arte nos cuidados agudos do traumatizado, com foco no trabalho em equipe e em estações práticas.

Realizado em 2½ dias  essa primeira edição do curso ETC contou com a presença de 12 alunos, sendo 9 cirurgiões da SBAIT e Colégio Brasileiro de Cirurgiões (CBC), uma anestesiologista (da Sociedade Brasileira de Anestesiologia, SBA), um emergencista (presidente da Associação Brasileira de Medicina de Emergência, ABRAMEDE) e um intensivista (ex presidente da Associação de Medicina Intensiva Brasileira, AMIB). Outros cinco brasileiros da SBAIT, que já realizaram o curso em Portugal, participaram como candidatos a instrutores do ETC. Caso o curso tenha a aprovação dos participantes, o objetivo da SBAIT é divulgar esse curso no Brasil, seguindo o modelo europeu, fazendo uma parceria com o CBC, SBA, ABRAMEDE e AMIB.

Participaram como instrutores do primeiro ETC no Brasil: Alistair Mountain (cirurgião ortopedista, da Inglaterra, Diretor do Curso), Michael Hüpfl (anestesiologista, da Áustria, Educador do Curso), Jonathan Tilsed (cirurgião, da Inglaterra), Piotr Kolęda (cirurgião pediátrico, da Polônia), Carlos Mesquita (cirurgião, de Portugal), Luís Miguel Rocha Ferreira (cirurgião, de Portugal), Ileana Lulic (anestesiologista, dos Emirados Árabes Unidos), Sérgio Baptista (anestesiologista, de Portugal) e Eládio Cardoso (enfermeiro, de Portugal).

A Sociedade Brasileira de Atendimento Integrado ao Traumatizado (SBAIT), em parceria com a ESTES, trouxe o curso para o Brasil, com o apoio da TERZIUS. O curso foi realizado como atividade pré congresso do Campinas 2019, evento que reúne quatro eventos científicos de 30 de maio a 01 de junho em Campinas/SP: 9th World Congress of the Abdominal Compartment Society, XIII Simpósio Internacional da SOBED, Congresso da SOBRACIL-SP 2019 e INTERGASTRO & TRAUMA 2019.

Instrutores:
Al Mountain ( Course Director) – Stoke, UK
Michael Huepfl ( Course Co-Director) – Vienna, Austria
Michael Huepfl ( Course Educator) – Vienna, Austria
Jonathan Tilsed – Hull, UK
Piotr Koleda – Poland
Ilena Lulic – UAE, Croácia
Luís Miguel Ferreira – Portugal
Sergio Baptista – Portugal
Gustavo Fraga – Brasil
Sizenando Starling – Brasil
Amauri Rocha – Brasil
Rogerio Schneider – Brasil
José Mauro da Silva Rodrigues – Brasil

Alunos – 1a turma ETC nas Américas
Claudio Bogdan – Maringá/PR
Ricardo Bregeiron – Porto Alegre / RS
Paulo Candelaria – São Paulo/SP
Vanessa Carvalho – Campinas/SP
Fabio de Carvalho – Curitiba / PR
Izio  Kowes – Salvador/ BA
Breno Oliveira – Fortaleza / CE
Livio Pires – Belo Horizonte / MG
Waldemar Filho – Campinas / SP
Renato Terzi – Campinas/SP
Atila Velho – Porto Alegre/RS
Helio Vieira – Rio de Janeiro/RJ

Os 12 alunos da 1ª Turma do European Trauma Course nas Américas

Confira momentos do curso:

 

Crédito Imagens: Terzius

Cursos

Cursos DSTC e DATC são realizados em 5 estados do país simultaneamente

Durante o período de 24 a 29 de maio de 2019, foram realizados simultaneamente em cinco estados do país, oito cursos DSTC (Definitive Surgical Trauma Care / Cuidados Definitivos na Cirurgia de Trauma) e quatro cursos DATC (Definitive Anaesthetic Trauma Care Course / Cuidados Definitivos de Anestesia no Trauma), contando com a organização da SBAIT.

No total,  22 convidados internacionais participaram como instrutores dos 12 cursos,  que são atividades pré congresso do Campinas 2019, evento que se realizará de 30 de maio a 01 de junho em Campinas/SP, reunindo quatro eventos científicos: 9th World Congress of the Abdominal Compartment Society, XIII Simpósio Internacional da SOBED, Congresso da SOBRACIL-SP 2019 e INTERGASTRO & TRAUMA 2019.

Essa série de cursos DSTC/DACT contou com com a organização da SBAIT. Segundo os instrutores e participantes, todos foram considerados um sucesso.

Sobre os cursos:

O DSTC é um curso idealizado na Europa e Oceania com o objetivo de preparar cirurgiões, já formados ou em treinamento, para abordarem lesões traumáticas graves, com atenção especial para estratégias e técnicas cirúrgicas avançadas. O curso é baseado principalmente em práticas cirúrgicas, o que permite discussões e oportunidade de treinamento. Posteriormente foi criado o DATC, para capacitar anestesiologistas no atendimento desses doentes graves, e essa foi a segunda vez que o curso foi realizado no Brasil. Com esses cursos foram treinados 32 anestesiologistas e mais de 160 cirurgiões.

Campinas
O curso DSTC em Campinas/SP contou com a presença de 8 alunos no curso DATC e 24 alunos no Curso DSTC e dos instrutores: Gustavo P. Fraga (Brasil; Diretor DSTC), Jonathan Tilsed (Reino Unido), Lara Marcelo (Portugal), Luis Miguel R. Ferreira (Portugal), Piotr Kolęda (Polônia) e Sérgio Faria Baptista (Portugal; Diretor DATC)

DSTC / DATC Campinas

Curitiba
Em Curitiba/PR, o curso DSTC reuniu 17 alunos e os convidados internacionais: Fernando Machado (Uruguai), Jorge A. Pereira (Portugal; Diretor DSTC) e Luis Filipe R. C. Pinheiro (Portugal), Fábio Henrique de Carvalho (PR)e Hamilton Petry de Souza (RS)

DSTC Curitiba / PR

Alunos e Instrutores DSTC Curitiba

Fortaleza
Fortaleza reuniu 17 alunos no Curso DSTC , com a presença dos instrutoresDaniel de Souza Lima (Brasil; Coordenador Local DSTC), Carlos J. Yánez (Espanha), Marcelo A. F. Ribeiro (Brasil; Diretor DSTC) e Salomone Di Saverio (Inglaterra / Itália

DSTC Fortaleza/CE

Alunos e Instrutores DSTC Fortaleza

Maceió
Em Maceió, 17 alunos participaram do curso DSTC, com a presença de Amauri Clemente da Rocha (Brasil; Coordenador Local DSTC), Carlos Mesquita (Portugal; Diretor DSTC) e Carlos Pilasi Menichetti (Inglaterra / Chile)

DSTC Maceió/AL

Alunos e Instrutores DSTC Maceió

São José do Rio Preto
O curso DSTC em São José do Rio Preto/ SP, contou com a presença de 16 alunos . Já o Curso DATC reuniu 7 alunos e os instrutores: Alberto Garcia (Colômbia), Alejandro Rodriguez (Uruguai), Elena Constantini (Itália), Hayato Kurihara (Itália; Diretor DSTC), Luís Vale (Portugal; Diretor DATC) e
Paulo César Espada (Brasil; Coordenador Local DSTC).

DSATC São José do Rio Preto/SP

Instrutores e Alunos do curso DSTAC em São José do Rio Preto

Curso DSTC em São José dos Campos/SP

São José dos Campos
Em São José dos Campos/SP, 16 alunos participaram do curso DSTC e 4 alunos participaram do curso DATC . Coordenadores e Convidados internacionais: Alberto Garcia (Colômbia), Danilo Stanzani (Brasil; Coordenador Local DSTC), Henrique Alexandrino (Portugal), Jorge A. Pereira (Portugal; Diretor DSTC), Lara Marcelo (Portugal), Luis Vane (Brasil; Coordenador Local DATC) e Sérgio Faria Baptista (Portugal; Diretor DATC)

Alunos e Instrutores DSATC em São José dos Campos/SP

São Paulo (Santa Casa SP)
Na Santa Casa, em São Paulo/SP, 25 alunos participaram do curso DSTC , que contou com a presença dos convidados internacionais Elena Constantini (Itália), Federico Coccolini (Itália), Joaquin Bado (Uruguai), Luis Filipe R. C. Pinheiro (Portugal; Diretor DSTC), Luís Vale (Portugal; Diretor DATC), Raul Coimbra (EUA / Brasil) e Tercio De Campos (Brasil; Coordenador Local DSTC)

DSTC São Paulo/SP

Alunos e Instrutores DSTC Santa Casa / SP

Vitória
Vitória/ES recebeu 17 alunos no Curso DSTC , que contou com a presença dos instrutores: Antônio Marttos (EUA / Brasil),  Carlos Pilasi Menichetti (Inglaterra / Chile; Diretor DSTC), Carlos Renato Renon (Brasil; Coordenador Local DSTC) e Hayato Kurihara (Itália)

Curso DSTC em Vitória/Es

Ligas de Trauma, Simulados

Liga de Emergência e Trauma promove o IV Simulado Nacional SBAIT de atendimento a múltiplas vítimas

Em referência ao movimento “Maio Amarelo”, mês de prevenção aos acidentes de trânsito, a Liga Acadêmica de Emergência e Trauma da Paraíba (LIET-PB) realizou, na manhã do dia 25 de maio, na Avenida Mar Vermelho, em Intermares, o IV Simulado Nacional SBAIT de Atendimento a Múltiplas Vítimas, com apoio simultâneo dos seguintes Órgãos: Faculdade de Ciências Médias da Paraíba – FCM, PMPB, CBMPB, PRF, SAMU, SEMOB, Hospital de Emergência e Trauma, Hospital dos Milagres e Hospital Residencial.

O objetivo da ação é unificar metodologias de atendimento a acidentes com múltiplas vítimas e aprimorar a prática operacional conjunta de todas as instituições envolvidas na segurança pública. Além disso, fazer referência ao movimento “Maio Amarelo” com um simulado de acidente como uma forma de sensibilizar e chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortos e feridos em decorrência de acidentes de trânsito na Paraíba.
Para a realização desse evento, foram realizadas reuniões com os órgãos representantes, para firmar as responsabilidades e os recursos participantes da operação.

O cenário envolveu o efetivo de serviço previsto em dias normais em toda a capital Paraibana, com o atendimento simultâneo a 20 vítimas.

 

Passo a passo – Um motorista, ao atender o celular, perde o controle de seu veículo, atropela um motociclista, e colide na traseira de um ônibus de transporte coletivo. O acidente envolve 20 vítimas, das quais quatro vêm a óbito no local, três ficam es estado grave, cinco têm ferimentos importantes e oito com escoriações leves.

O procedimento começou com uma ligação ao Centro Integrado de Operações (CIOP), por meio do número de emergência 193, às 8h, informando que como se fosse uma ocorrência real de acidente automobilístico com múltiplas vítimas. No potencial acidente, com vinte vítimas, durante todo o procedimento de resgate e triagem, os feridos foram socorridos e encaminhados para os hospitais da região, de acordo com a gravidade em que se encontram. Logo após o reconhecimento da gravidade da situação e o isolamento da área de atuação, as equipes foram distribuídas no cenário e a
ocorrência foi gerenciada, seguindo o protocolo utilizado no SCI (Sistema de Comando de Incidentes).

Ao todo participaram do simulado nove instituições, cada uma com atribuições específicas. Algumas trabalharam diretamente no local do acidente virtual e outras na organização do treinamento.

Ao todo participaram do simulado nove instituições

AVALIAÇÃO – Ao final do simulado, foi realizada uma reunião com todos os envolvidos na sede da Faculdade de Ciências Médicas da Paraíba – FCM, a fim de realizar avaliação dos pontos positivos e negativos da atividade. Representantes das instituições participantes estiveram presentes  expondo sua visão sobre a atuação conjunta e contribuindo com ideias para que numa situação real os erros sejam minimizados.

Confira momentos do Simulado:

Informações e imagens: LIET-PB

 

Ligas de Trauma

Maio Amarelo: Atividades são realizadas para público infantil em Santa Cruz do Sul/RS

A Liga Acadêmica do Trauma (LATRAUMA) da Universidade de Santa Cruz do Sul desenvolveu no dia 23 de maio atividades referentes ao Maio Amarelo para os alunos de escolas infantis de Santa Cruz do Sul/RS, na sede da Associação Atlética Banco do Brasil (AABB).

O evento contou com a presença de ligantes da LATRAUMA e crianças de cinco até onze anos de idade, abordando a educação no trânsito e as condutas corretas frente ao semáforo e à faixa de segurança. Após a roda de conversa, os alunos participaram de brincadeiras como simulação de situações no trânsito e jogo de memória, solidificando o conhecimento adquirido.

A LATRAUMA agradece ao Observatório Nacional de Segurança Viária e à AABB, que possibilitaram a realização da atividade, e aos estudantes que compareceram ao evento.

Atividade abordou sobre a importância das condutas corretas frente ao semáforo e à faixa de segurança

Informações e imagens: LATRAUMA

Campanhas

Alunos da Liga de Trauma de Sorocaba/SP participam de ação do Movimento Maio Amarelo

No dia 17 de maio estudantes de medicina participaram de ação do Movimento Maio Amarelo em Sorocaba/SP, uma blitz promovida pela Urbes – Trânsito e Transportes no município.

A ação teve como objetivo conscientizar e provocar a reflexão nos motoristas sobre as condutas que adotam para o trânsito cada vez mais seguro. Orientados pelos profissionais da equipe de Educação para o Trânsito da Urbes, os futuros médicos fizeram recomendações e deram orientações para quase 180 motoristas que trafegavam com os seus veículos.

Esse é o terceiro ano consecutivo que os estudantes que integram a Liga do Trauma participam do Maio Amarelo promovido pela Urbes. A Liga do Trauma é composta por universitários do segundo ano da Faculdade de Medicina da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), do campus Sorocaba. Eles também alertaram sobre a importância do uso do cinto de segurança e o risco de combinar direção com o uso de celular ou a ingestão de bebidas alcoólicas.

Os motoristas também receberam panfletos com as informações que receberam pessoalmente, para que atuem como um multiplicador junto aos familiares, colegas de trabalho e conhecidos.

Fonte e imagens: SECOM / PMS

Fechar