Posts Populares

Uncategorized

Associado da SBAIT é o novo representante do American College of Surgeons (ACS) no Brasil

Dr Savino

No último Congresso do American College of Surgeons (ACS), realizado em outubro de 2013, em Washington, nos Estados Unidos, o associado da SBAIT e ex 1º vice-presidente do Núcleo Central do CBC, o cirurgião Savino Gasparini Neto, que é Fellow do ACS, foi nomeado o novo “Governor” do Brasil no ACS.

O Dr. Savino é membro da SBAIT-RJ e participou da organização do World Trauma Congress, X Congresso SBAIT e XIV CoLT, que foi realizado no Rio de janeiro em agosto de 2012.

A SBAIT parabeniza o Dr . Savino e deseja sucesso nessa nova missão.

News

Centro Estadual de Trauma do Idoso (RJ) realiza mais de 1.200 cirurgias em 2013

trauma do idoso

imagem: http://www.saude.rj.gov.br/

A Fratura de fêmur proximal é a mais comum e letal de trauma entre pessoas com mais de 60 anos. Pesquisas internacionais indicam que a partir dos 50 anos o risco de fratura dobra a cada cinco anos; 50% das mulheres sofrerão fratura de quadril aos 90 anos de idade. Sem intervenção cirúrgica em até 48h, 50% dos pacientes idosos vítimas de trauma precisam usar muletas e 23% morrem em até 12 meses.

Os casos ortopédicos mais frequentes nas grandes emergências  são causados geralmente por quedas em casa ou na rua. Devido a alta demanda de cirurgias de emergência nas unidades de saúde, em especial politraumatizados, muitas vezes os idosos ficam internados por longos períodos, aguardando por cirurgia.

O  Centro Estadual de Trauma do Idoso (CETI), localizado no Rio de Janeiro, cidade que possui a segunda população mais idosa do país, com 13% de idosos, é um dos exemplos de atendimento a esse público específico. Em 2013, realizou mais de 100 cirurgias ortopédicas por mês, 1.292 cirurgias e 2.535 consultas.

Inaugurado em outubro de 2012 no Hospital São Francisco de Assis (HSFA), o CETI  conta com 30 leitos de enfermaria, cinco de CTI e ambulâncias exclusivas para fazer a remoção rápida entre hospitais, com o objetivo de garantir um atendimento exclusivo, a fim de diminuir sequelas e permitir uma recuperação mais rápida. As cirurgias são realizadas em até 48 horas e o tempo médio de internação é de quatro dias.

Saiba mais:

Balanço 2013: Centro Estadual de Trauma do Idoso realiza mais de 1200 cirurgias

News

Litoral de SP registra 15 mortes por afogamento durante feriados de final de ano.

resgate afogamentoDurante o período de Revéillon e Natal de 2013,  foram registradas 15 vítimas de afogamento nas cidades de Guarujá, São Vicente, Itanhaém, Praia Grande, Mongaguá e Ilha Comprida, no litoral de SP.

Segundo os bombeiros, os afogamentos podem ser evitados com medidas simples, como procurar manter a água na cintura, não beber antes de entrar na água e não alimentar-se em demasia.

O coronel Carlos Eduardo Smicelato ressalta que “o banhista tem que ter a consciência de que deve vir a praia e ter um banho seguro”.

A segurança do banhista não depende apenas do Corpo de Bombeiros e sim, principalmente do banhista, que deve evitar a imprudência também na praia para garantir um banho seguro.

Saiba mais:

Feriado de fim de ano teve 15 mortos por afogamento no litoral de SP

Notícia relacionada:

Programa Piscina + Segura alerta sobre a prevenção de afogamentos. 

 

News

Traumatologista assume a Secretaria de Estado do Rio de Janeiro

secretario_rj_Marcos_Musafir_200O Dr. Marcos E. Musafir, médico ortopedista traumatologista, ex presidente da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT) assumiu essa semana a Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro. O Dr. Musafir tem atuação nos últimos anos em várias atividades relacionadas ao trauma, incluindo a prevenção. Ele participou da organização do World Trauma Congress, X Congresso SBAIT e XIV CoLT que foi realizado no Rio de Janeiro em agosto de 2012.
Leia mais em:
News

Balanço da PRF registra redução nos acidentes nas rodovias durante final de ano

estradas brasileirasBalanço divulgado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) nesta quinta-feira (2), aponta queda de 10% nos acidentes nas estradas brasileiras durante os feriados de final de ano em relação ao mesmo período de 2012.

Apesar da redução, os números permanecem altos  quando pensamos em prevenção do Trauma: Foram registrados, de 20 de dezembro de 2013 a 1º de janeiro de 2014, 7.407 acidentes, que ocasionaram 420 mortes e 4352 feridos. A estradas 2013maior causa de mortes foram as colisões frontais, que resultaram em 83 vítimas fatais. Resultados da imprudência dos motoristas durante as viagens.

Minas Gerais registrou o maior número de acidentes: 1.102. Em segundo lugar,  Santa Catarina, com 751 acidentes, e depois o Paraná, com 750.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, a redução deve-se à intensificação da fiscalização, ao planejamento e implantação da Lei Seca.

Saiba mais:

Balanço da PRF aponta queda nos acidentes nas rodovias no fim de ano

News

Mensagem de Feliz 2014 da SBAIT

Happy-New-Year-2014-2Prezado(a)s associado(a)s e amigo(a)s da SBAIT,

O ano de 2013 termina após muito trabalho e conquistas na nossa sociedade. A SBAIT organizou ou apoiou 19 eventos nacionais, realizou 13 cursos, publicou e enviou 12 boletins eletrônicos ESPAÇO DO TRAUMA  e outros 12 boletins TRAUMA NAS AMÉRICAS e enviou mensalmente seis artigos sobre cirurgia do trauma e emergência via e-mail aos seus sócios, totalizando 72 papers enviados pelo TRAUMA EM REVISTA (ano 5). A contratação de novo colaborador, a Dotscripta / Cristiane R. Manzotti (CRM), permitiu que o www.sbait.org.br fosse constantemente atualizado com a publicação de 144 notícias em 2013 , além da criação do nosso Facebook , Twitter  e publicação de fotos de eventos, inclusive do World Trauma Congress, X Congresso SBAIT e XIV CoLT realizado no Rio de Janeiro em agosto de 2012, no Flickr.

Foi criado o TRAUMA BoleTEAM, versão impressa enviada a todos sócios e eletrônica disponível em www.sbait.org.br, com a publicação de números trimestrais e que já está indo para a edição num 5, com a importante participação das empresas parceiras UNIMED Aeromédica, Grupo CCR, ConvaTec e Revista Emergência.

O ano de 2013 se vai com a sensação que a SBAIT está contribuindo na melhoria da assistência ao traumatizado no país, com importante atuação na educação e capacitação de profissionais e acadêmicos, assessoria para a criação de programas de residência médica na Área de Atuação em Cirurgia do Trauma, apoio na construção da Linha de Cuidado ao Trauma junto ao Governo Federal, abertura de novos capítulos e agregando cada vez mais médicos e acadêmicos, atuando de modo integrado com diferentes profissionais de saúde. Fica aqui registrado o agradecimento da diretoria da SBAIT para todos que participaram e ajudaram no desenvolvimento dessas ações.

Porém ainda temos muito por fazer. Fica a esperança que em 2014 todos tenham saúde para continuar trabalhando e realizando os seus ideais, junto a suas famílias e amigos, e que do ponto de vista associativo participem das atividades da SBAIT e do XI Congresso que será realizado em Manaus, de 25 a 27 de setembro próximo.

Feliz 2014 a todos!

Gustavo P. Fraga

Presidente SBAIT 2013/2014

News

Trauma é doença e tem prevenção – Consequências da imprudência nas estradas brasileiras

materia fantastico

Matéria exibida no programa Fantástico (29/12) retrata as consequências da imprudência nas estradas brasileiras

Uma reportagem especial no Programa Fantástico, desse domingo (29), mostrou  os custos dos acidentes nas estradas brasileiras, uma situação que, infelizmente já tornou-se rotina para as equipes de resgate de todo o país. A imprudência dos motoristas, associada ao hábito de beber e dirigir, estão entre as maiores causas dos acidentes fatais.

Operações especiais reunindo equipes aéreas e terrestres da Polícia Rodoviária Federal flagram os motoristas imprudentes e orientam sobre os comportamentos de risco.

Os números são altos: Em 2012, cerca de 8,6 mil pessoas morreram em acidentes nas estradas federais. No trânsito como um todo, são 43 mil mortos por ano, mortes que poderiam ser evitadas.

Em 2002, havia no Brasil, 33 mil pessoas com invalidez permanente por causa do trânsito. Em 2012, esse número chegou em 352 mil. Acidentes com vítimas fatais e feridos graves, causam sofrimento a milhares de pessoas e custam muito caro ao país.

“Nós estimamos que a sociedade tem que arcar com um custo na ordem de R$ 40 bilhões por ano”, aponta Carlos Henrique de Carvalho, técnico do Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada). Esse cálculo faz parte de um estudo chamado Custos de Acidente de Trânsito no Brasil. “O principal  componente de custo desses acidentes de trânsito é a perda de produção, ou seja, quando a pessoa, no auge da sua vida profissional, perde a vida ou vem a sofrer uma lesão permanente”, explica o técnico.

Um acordo entre o INSS e a Polícia Rodoviária Federal foi firmado com o objetivo de diminuir as despesas com acidentes e fazer o motorista pensar duas vezes antes de colocar vidas em risco. Para isso, a Polícia Federal disponibiliza ao INSS todos os registros sobre acidentes em estradas federais. O causador do acidente que levar a morte ou invalidez será processado e, se condenado, o INSS cobrará dele a pensão da vítima ou da família da vítima.

Caso o motorista infrator não tenha condições financeiras para  realizar o pagamento, “Ele vai ter seu nome inscrito nos órgãos de controle de crédito, ele vai ficar impedido de comprar a crédito na praça, ele vai ficar inclusive impedido de exercer alguns cargos públicos até que quite seu débito, afirma Lindolfo Neto de Oliveira, presidente do INSS.

Assista à reportagem completa, exibida no Programa Fantástico, em 29/12, acessando a imagem acima ou http://glo.bo/1h7j0H8 

News

Residência Médica: 3.600 novas vagas em 2014

residencia medicaO Ministério da Saúde aprovou, em 17 de dezembro,  a criação de 3.613 novas vagas de residência médica em 91 especialidades e áreas de atuação. Com isso, a oferta chegará a 6,4 mil bolsas, que atualmente possui o valor de R$ 2.976,26 pago ao médico.

A aprovação das novas vagas, porém, passará ainda pela Comissão Nacional de Residência Médica, que realizará visitas aos serviços médicos.

A expansão da residência médica faz parte das ações do Programa Mais Médicos e possui como expectativa criar 12,4 mil vagas até 2018, ampliando a oferta da residência aos egressos dos cursos de medicina. Em 2013, formaram-se 16,8 mil médicos. 

A maioria das novas bolsas serão concentradas no Sudeste (2.278 vagas), particularmente no Estado de São Paulo (1.609). Das 3.618 bolsas novas, 50% destinam-se às áreas de clínica médica, pediatria, obstetrícia, cirurgia geral e medicina de família e comunidade.
A maior parte das novas vagas (2.145) serão criadas em novos programas de residência médica. As demais reforçarão programas já existentes.

Para saber mais:

Estadão: Governo liberará novas vagas em residência médica

Folha de SP: Residência Médica terá mais 3600 vagas

Portal da Saúde: Ministério dobra oferta de bolsas para residência

News

Lançamento: Seara de Asklépio – Uma visão diacrônica da Medicina

Seara AsclepiosSeara de Asklépio – Uma visão diacrônica da Medicina, foi lançado em 19 de dezembro, no Teatro Asklepiós da  Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Goiás (UFG), com a presença de médicos da Faculdade de Medicina  e autoridades da UFG  e do setor público de saúde, além de representantes de segmentos da sociedade.

O livro tem como organizadores os professores  Joffre Marcondes de Rezende, Vardeli Alves de Moraes e  Gil Eduardo Perini e possui  540 páginas, 40 capítulos  e 40 colaboradores nacionais de várias escolas brasileiras.

lançamento do livro ii

Solenidade de lançamento do livro, na Universidade Federal de Goiás.

Segundo Joffre Marcondes de Rezende, um dos organizadores e idealizadores da obra,  “A Historia da Medicina abrange um longo período de tempo em sua evolução, porém somente a partir do século 19 a medicina desenvolveu-se cientificamente, tornando-se complexa em virtude de novas descobertas e da incorporação de tecnologia nos métodos de diagnóstico e no tratamento das doenças. A medicina fragmentou-se em especialidades e cada uma delas passou a ter sua própria história. Essa é a razão do grande número de participantes do projeto”, destaca.

Este é o  primeiro livro que conta a História da Medicina e sua evolução ao longo  do tempo e também o primeiro  do gênero editado em português. Seara de Asclépio trata das mais diversas especialidades, com o olhar voltado para os estudantes e professores dos cursos médicos, que muitas vezes não contam com suportes bibliográficos suficientes para abordar o tema.

Dividido em  quatro seções: a primeira sobre a medicina na antiguidade em ordem cronológica até o século 18; a segunda parte sobre as grandes conquistas científicas e tecnológicas da medicina a partir do século 19, a terceira de temas relevantes em conexão com a medicina e a quarta sobre a medicina no Brasil, o livro é é direcionado basicamente aos cursos de História da Medicina, ministrados em muitas escolas médicas do país. A obra destina-se também a profissionais da área biomédica e aos interessados pela trajetória da medicina desde os tempos primitivos até os dias atuais.

O livro foi editado pela Editora da UFG e estará à venda nas livrarias universitárias a partir de Janeiro de 2014.

News

4ª edição do TRAUMA BoleTEAM traz como destaque os cursos de qualificação para a área de Trauma

boleteam4 capaLançada a 4ª edição do TRAUMA BoleTEAM, que traz como destaque  os cursos de qualificação para profissionais que atuam no atendimento ao traumatizado. A SBAIT tem intensificado ao longo dos anos a realização dos cursos DSTC, ADMR e USET por todo o país.

A edição destaca ainda a participação da SBAIT nos eventos nacionais, como o II Congresso de Trauma do Rio de Janeiro CBC/SBAIT-RJ e também internacionais, como a reunião científica realizada em Portugal e a participação no Congresso Panamericano de Trauma.

Confira em detalhes esses e outros temas, acessando a versão online, que já encontra-se disponível pelo link: TRAUMA BoleTEAM – dezembro 2013

Fechar