Author

sbait

Campanhas

Participe do Movimento Maio Amarelo!

O Mês de maio é dedicado à conscientização e prevenção às mortes causadas pelos acidentes de trânsito em todo o mundo com o Movimento Maio Amarelo, uma campanha de caráter universal que nasceu com o objetivo de conscientizar as pessoas para um trânsito mais seguro, humano e responsável e que a cada ano engaja mais pessoas nessa causa.

Em 2019, a campanha do Movimento Maio Amarelo 2019, cujo mote é “NO TRÂNSITO, O SENTIDO É A VIDA” e, por intermédio das crianças, sob a assinatura “#ME OUÇA”, levará à sociedade reflexões sob o comportamento seguro no trânsito.

Já são 27 países participando do Movimento em 2019, que conta também com o apoio de 423 cidades e 1425 empresas.

A SBAIT é uma das Entidades apoiadoras do Movimento desde sua primeira edição, em 2014. Diversas ações serão realizadas em todo o país, contando com a participação dos membros SBAIT e dos alunos membros das Ligas de Trauma.

Compartilhe suas ações conosco, pelo Instagram, marcando@Sbaitbrasil, para inspirarmos mais pessoas ainda a participarem.

 

Participe!

As peças da campanha #ME OUÇA são disponibilizadas em alta resolução no site do Maio Amarelo (www.maioamarelo.com) para uso gratuito de empresas, entidades, municípios, grupos e fomentadores do trânsito mais seguro e humano.

Os materiais disponíveis incluem peças publicitárias, spots de rádios e posts para redes sociais. Para usar, basta acrescentar o logo da instituição que representa e utilizar a campanha livremente.

Acesse os conteúdos: https://drive.google.com/drive/folders/1s8USPlZmhbF-eYh30lfz3g37Ge1BXOIq?usp=sharing

 

SOBRE O MOTE 2019 

O Observatório Nacional de Segurança Viária ( ONSV), idealizador do Movimento,  desenvolveu o mote com a proposta que os adultos ouçam o conselho dado por uma criança, que com sua ingenuidade e inexperiência perante a vida, tem uma percepção e absorção do que é certo e errado com mais eficácia, sem filtros.

A campanha teve sua inspiração nos cinco sentidos humanos, numa alusão à sinalização de trânsito. Ou seja, o trânsito é feito de sentidos. Para utilizá-lo, é preciso entender todos eles. Uma seta no carro da frente indica para onde ele vai virar. Um pedestre com a mão estirada na faixa de pedestre transmite o sentido de que ele quer efetuar a travessia. Só que, de sentido em sentido, fomos ficando egoístas e causando acidentes. Acabamos esquecendo um sentido muito importante: a audição. Precisamos voltar ao começo e ouvir os conselhos de quem não sabe mentir, e conhece muito bem o que certo e o que não é: as crianças”. Mas qual é o sentido de ouvir o conselho de uma criança? A resposta é pura e simples: O sentido é a vida.

 

NO TRÂNSITO, O SENTIDO É A VIDA

Este ano, a sexta edição do Maio Amarelo traz o tema “NO TRÂNSITO, O SENTIDO É A VIDA”, aprovado pelo (Contran) Conselho Nacional de Trânsito e recomendado na RESOLUÇÃO Nº 771, DE 28 DE FEVEREIRO DE 2019.

Assim como em 2018, o tema escolhido propõe o envolvimento direto da sociedade nas ações e uma reflexão sobre uma nova forma de encarar a mobilidade. Trata-se de um estímulo a todos os condutores, seja de caminhões, ônibus, vans, automóveis, motocicletas ou bicicletas, e aos pedestres e passageiros, a optarem por um trânsito mais seguro.

De acordo com o OBSERVATÓRIO, os acidentes não acontecem, mas sim são frutos de escolhas inadequadas e arriscadas.

 

ABERTURA E ENCERRAMENTO 

A abertura oficial da Campanha Maio Amarelo 2019 aconteceu no dia 24 de abril, em Vitória-ES.

Já o encerramento, com a premiação “Destaques Maio Amarelo 2019”, acontecerá no dia 28 de junho, em Natal-RN. Nesta ocasião serão condecoradas as iniciativas / ações de empresas, entidades do setor público e sociedade civil organizada, que mais se destacaram.

Os eventos reunirão autoridades do setor de Trânsito e Mobilidade Urbana de todo o país.

Para saber mais sobre Maio Amarelo, acesse: www.maioamarelo.com

 

Vídeo Maio Amarelo 2019

 

Internacional

Projetos da SBAIT são divulgados para alunos da Universidade de Coimbra

Na tarde de 2 de maio de 2019, o Dr. Gustavo P. Fraga, Professor Assistente da Disciplina de Cirurgia do Trauma da Unicamp e atual coordenador do Comitê de Educação da Sociedade Brasileira de Atendimento Integrado ao Traumatizado (SBAIT) ministrou a palestra “Ensino em Cirurgia do Trauma: perspectivas futuras” para um grupo de aproximadamente 40 acadêmicos da Universidade de Coimbra, em Portugal. A aula foi organizada pelo Prof. Henrique Alexandrino e contou com a presença do Dr. Luís Miguel Rocha Ferreira.

Durante a aula Fraga falou sobre as Ligas do Trauma, CoBraLT, o programa P.A.R.T.Y., Maio Amarelo, Salvando Vidas, etc. Foi uma excelente oportunidade para compartilhar experiências com acadêmicos de Portugal, que se mostraram interessados em alguns dos programas da SBAIT.

 

Imagem: Fraga em aula na Universidade de Coimbra

crédito imagem: Arquivo SBAIT

Cursos, Internacional

Diretores da SBAIT participam de mais um European Trauma Course em Portugal

O atual presidente da Sociedade Brasileira de Atendimento Integrado ao Traumatizado (SBAIT), Dr. Tercio De Campos, e os ex presidentes Dr. José Mauro S. Rodrigues e Dr. Gustavo P. Fraga, que é o atual coordenador do Comitê de Educação da SBAIT, participaram de 29 de abri a 1 de maio de 2019 do European Trauma Course (ETC), realizado em Coimbra, Portugal. O ETC é um curso de imersão em atendimento ao traumatizado voltado para médicos e outros profissionais de saúde e é considerado o estado de arte nos cuidados agudos do traumatizado, com foco no trabalho em equipe e em estações práticas, e foi desenvolvido pelo European Resuscitation Council (ERC), European Society of Anaesthesiology (ESA), European Society for Trauma and Emergency Surgery (ESTES) e European Society for Emergency Medicine (EuSEM), sendo difundindo para mais de 20 países, com mais de 80 cursos realizados anualmente, principalmente nos países europeus. A SBAIT, em parceria com a ESTES e o apoio da TERZIUS, está trazendo o curso para o Brasil, sendo que o primeiro ETC será realizado de 27 a 29 de maio de 2019, em Campinas, SP, como atividade pré congresso do http://www.campinas2019.com.br/. Para essa primeira edição do ETC nas América as 12 vagas para alunos já estão esgotadas.

Apresentação durante o curso.

Em Coimbra, o curso para 12 alunos (um da Espanha, um da Finlândia, 2 do Brasil e 8 de Portugal, sendo dois médicos militares) teve como diretor o Dr. Jonathan Tilsed (cirurgião de Hull, Inglaterra), educador, o Dr. Piotr Kolęda (cirurgião pediátrico, de Wroclav, Polônia) e coordenadores locais, o Dr. Carlos Mesquita (cirurgião, de Coimbra, Portugal) e Eládio Cardoso (enfermeiro, de Coimbra).

Como instrutores participaram os cirurgiões portugueses Dr. Fernando Valério, Dr. Henrique Alexandrino e Dr. Luís Miguel Rocha Ferreira. Participaram como candidatos a instrutor e foram aprovados o Dr. Fraga, Dr. Antônio Gandra, Dra. Filipa Madeira (anestesiologista) e  Dr. Sérgio Baptista (anestesiologista).

Dr. José Mauro e Dr. Tercio tiveram ótimo desempenho no curso e foram indicados para serem instrutores.

Para que todos conheçam mais sobre o European Trauma Course (ETC), no dia 30 de maio, quinta-feira, às 8:00h, haverá uma palestra (em inglês) no congresso Campinas 2019, no Royal Palm Hall, dos Diretores ETC Alistair Mountain (cirurgião ortopedista, da Inglaterra) e Michael Hüpfl (anestesiologista, de Viena, Áustria), com a presença de vários instrutores, inclusive da SBAIT, para passarem mais informações sobre o desenvolvimento do ETC no Brasil.

Fraga, Mesquita, Tercio e José Mauro

Instrutores do curso

Alunos e instrutores em Coimbra

Jonathan Tilsed confraternizando com os brasileiros ao final do curso

 

*Imagem em destaque: Tilsed, Fraga, José Mauro, Mesquita, Tercio e Piotr

Crédito imagens: Arquivo SBAIT

News

NOTA DE PESAR: Dr. Donald D. Trunkey

Dr. Donald D. Trunkey (1937-2019)

A SBAIT lamenta informar o falecimento do Dr. Donald D. Trunkey, FACS, um dos maiores ícones da Cirurgia do Trauma.

Dr. Donald D. Trunkey. Dr. Trunkey serviu como Presidente do Comitê ACS sobre Trauma de 1982-1986 e como Presidente da Associação Americana para a Cirurgia do Trauma 1986-1987. Em 1976, o Dr. Trunkey conduziu os esforços do COT para publicar o ” Optimal Hospital Resources for the Care of the Seriously Injured”– o primeiro documento destinado a definir e desenvolver centros de trauma e sistemas de trauma.

Dr. Trunkey, MD, FACS foi um pioneiro no desenvolvimento do sistema de trauma, publicando trabalhos seminais sobre o impacto do desenvolvimento de sistemas de trauma na morte evitável. Um momento crítico na carreira do Dr. Trunkey foi quando ele publicou um artigo em 1979 sobre as taxas de mortalidade de pacientes vítimas de trauma no Condado de Orange, na Califórnia, em comparação com os do condado de São Francisco. Foi uma das primeiras e mais persuasivas evidências sobre a eficácia dos centros de trauma. Sua mensagem era inabalável: os pacientes feridos merecem o melhor atendimento disponível no trauma, e o melhor atendimento inclui um sistema de trauma organizado.

O Dr. Trunkey cresceu na zona rural de Eastern Washington e foi ex-aluno da University of Washington Medical School. Fez um estágio rotativo na Universidade de Oregon e depois serviu no Exército dos EUA de 1964 a 1966. Ele foi Chefe do Centro de Queimados da UCSF e havia estabelecido um laboratório para estudar mecanismos de choque no nível celular. Em 1986, ele foi recrutado de volta à Oregon Health Science University, onde atuou como Professor Mackenzie e Presidente do Departamento de Cirurgia de 1986 a 2001.

Cinco anos depois de seu mandato como presidente, o Dr. Trunkey foi ativado do status de reserva para militar ativo para servir na primeira Guerra do Golfo em 1991. Ele estava estacionado em Riad, na Arábia Saudita durante a Operação Tempestade no Deserto e Escudo do Deserto. Ele lidou com uma série de obstáculos operacionais e culturais que o levaram a publicar um comentário na edição de março de 1993 do Archives of Surgery chamado “Lessons Learned”. Este documento abriu o caminho para como o Departamento de Defesa dos EUA treina seu pessoal de trauma hoje.

Em 2008, ele recebeu o prêmio King Faisal em medicina por sua pesquisa para melhorar o atendimento ao trauma. Ele tem muitos outros prêmios, incluindo o Distinguished Service Award do Colégio Americano de Cirurgiões, o Distinguished Alumnus Award da Faculdade de Ciências da Universidade Estadual de Washington, o Prêmio Barry Goldwater Service, o Prêmio International Society of Surgery, Associação Honorária da Associação Britânica de Acidentes e Medicina de Emergência e Bolsas dos Royal Colleges of Surgeons da Inglaterra, Irlanda, Edimburgo, Glasgow, África do Sul e Brasil, Medalha do Royal College of Medicine of England e Professor Honorário do Royal College of Surgeons of Edinburgh. Em 2005, ele entregou o Orçamento de Scudder sobre Trauma intitulado Trauma em transição: Uma Viagem Fantástica. Em 2018, ele recebeu o prêmio Icons in Surgery do American College of Surgeons .: https://www.youtube.com/watch?v=vVN0laPGF24&feature=youtu.be

Acima de tudo, o Dr. Trunkey é lembrado por sua gentileza, apoio e orientação a toda uma geração de cirurgiões do trauma.

 

*Informações e imagem: American Association for the Surgery of Trauma

Cursos

Últimas vagas para os Cursos DSTC e DATC em maio/2019

No período de 24 a 29 de maio de 2019, oito cursos DSTC (Definitive Surgical Trauma Care / Cuidados Definitivos na Cirurgia de Trauma) e quatro cursos DATC (Definitive Anaesthetic Trauma Care Course / Cuidados Definitivos de Anestesia no Trauma) serão realizados em 5 estados do Brasil, recebendo 22 instrutores internacionais.

Esses 12 cursos são atividades pré congresso do Campinas 2019, que é a união de quatro eventos científicos em um único megaevento: 9th World Congress of the Abdominal Compartment Society, XIII Simpósio Internacional da SOBED, Congresso da SOBRACIL-SP 2019 e INTERGASTRO & TRAUMA 2019.

Algumas localidades já estão com as vagas esgotadas. Mas ainda é possível inscrever-se em algumas cidades. Confira:

  • CAMPINAS:  DSTC – ESGOTADO! /    DATC:  VAGAS ESGOTADAS! 
  • Vitória  –  Vagas ESGOTADAS!
  • São José do Rio Preto  : Vagas ESGOTADAS para os cursos  DSTC e  DATC
  • Maceió – Ainda há vagas para o curso DSTC
  • Santa Casa SP – Vagas ESGOTADAS! 
  • São José dos CamposVagas ESGOTADAS para o curso  DSTC e  vagas disponíveis para o curso DATC
  • Curitiba – Vagas Disponíveis para o Curso DSTC
  • Fortaleza –  Vagas Disponíveis para o Curso DSTC

 

Informações sobre os cursos diretamente na secretaria SBAIT, pelo telefone (11) 3188-4558 (período da tarde) ou pelo email: secretaria@sbait.org.br

P.A.R.T.Y. Brasil

Convite – P.A.R.T.Y. Brasil

A Liga do Trauma da Unicamp convida todas as Instituições interessadas em conhecer o Programa P.A.R.T.Y. ( Prevenção do Trauma Relacionado ao Álcool na Juventude) a comparecerem na edição especial do P.A.R.T.Y. Campinas, em 28 de maio de 2019.
Essa é uma oportunidade para conhecer na prática uma edição do Programa, que já possui núcleos em diversas regiões do Brasil: Ribeirão Preto (SP), Campinas Unicamp (SP), Campinas- PUC Campinas, (SP),
Vitória (ES), São Luis (MA), Sorocaba (SP), São José dos Campos (SP), Canoas (RS), Maceió (AL).

Sobre o programa

O Programa P.A.R.T.Y. é voltado a jovens de 15 a 18 anos, cursando o Ensino Médio. Eles são convidados a vivenciarem uma edição do P.A.R.T.Y. em sua localidade, onde participam de palestras com parceiros ( representantes do SAMU, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, profissionais do Trânsito e de áreas de saúde) que mostram a eles as consequências que uma decisão de beber e dirigir pode acarretar, já que essa é uma idade em que estão prestes a adquirirem a licença para dirigir.

O momento da vivência é um dos pontos altos do encontro, onde os alunos possuem a oportunidade de conversar com pacientes vítimas reais do Trauma e conhecer a estrutura do Hospital envolvida no atendimento a esses pacientes e sua reabilitação. Em seguida, também conversam com voluntários do programa que convivem com sequelas do trauma no trânsito.

Estão entre os objetivos do programa P.A.R.T.Y. : Educar os jovens a reconhecerem os riscos no trânsito, Conscientizar os jovens sobre a responsabilidade pessoal por suas escolhas, aumentar o conhecimento dos jovens sobre as consequências da lesão na qualidade de vida para o indivíduo, família, amigos e comunidade, promover iniciativas de prevenção de trauma e contribuir para a redução da incidência do trauma relacionada com o uso de álcool na juventude.

História

O Programa P.A.R.T.Y. – Prevenção do Risco de Trauma Relacionado ao uso de Álcool na Juventude, foi iniciado no Centro de Ciências da Saúde de Sunnybrook – Canadá, em janeiro de 1986 com a ajuda de uma enfermeira emergencista, a enfermeira Joanne Banfield.

O Programa foi moldado e desenvolvido primeiramente por membros da equipe de trauma do Hospital de Sunnybrook, onde o índice de acidentes de adolescentes mortos ou gravemente feridos em acidentes de trânsito era alto.

Desde o primeiro P.A.R.T.Y, na década de 80, o programa tem crescido imensamente. Atualmente ele é bem difundido em todo o Canadá e já se expandiu para outros países como: Austrália, Brasil, Japão, Alemanha e Estados Unidos, tendo mais de 1 milhão de jovens conscientizados; Inclui mais de 100 sites ao redor do mundo e continua a crescer e desenvolver-se tanto no Canadá quanto internacionalmente.

O P.A.R.T.Y. foi implantado no Brasil pela USP de Ribeirão Preto/SP em 2008 e na Unicamp em Campinas em 2010.

A SBAIT implantou o P.A.R.T.Y. Brasil em 2013, buscando a prevenção primária do trauma em jovens prestes a obter a Carteira Nacional de Habilitação, CNH.  O modelo seguido é utilizado em todo o mundo e seus resultados são reconhecidos pela comunidade científica internacional.

Visite o site do Programa P.A.R.T.Y. Canadá: www.partyprogram.com

Saiba mais sobre o P.A.R.T.Y. Brasil:
https://programapartybrasil.wordpress.com/


CONVITE

Conheça o P.A.R.T.Y. Brasil / Campinas – Unicamp

Data: 28/05/19
Local: Auditório do Hospital de Clínicas da Unicamp.
Informações: ligadotraumaunicamp@gmail.com

APH, Cursos

“Acidentes com Produtos Perigosos” é o tema do 2º módulo do III Curso de Atualização em Atendimento Pré-Hospitalar

O Projeto de Educação Médica Continuada do CRM-PR, em parceria com o SIATE CURITIBA/SMS/SESA e com a SBAIT (Sociedade Brasileira de Atendimento Integrado ao Traumatizado), promove no dia 17 de abril, às 20h, o 2º módulo do III Curso de Atualização em Atendimento Pré-Hospitalar.

Com o tema “Acidentes com Produtos Perigosos”, o evento é aberto a médicos, estudantes de Medicina, socorristas emergencistas e enfermeiros e a participação pode ser presencial, na sede do Conselho em Curitiba, ou via web.

Para participar, preencha o formulário de inscrição no fim da página e informe o tipo de participação (presencial ou online). A transmissão online é disponibilizada no site do CRM-PR no dia do evento e a sala virtual abre 1h antes do início da aula. Confira os pré-requisitos técnicos para garantir uma boa conexão.

Programação:

19h30 | Credenciamento

20h00 | Palestrante: Dr. Edison Vale Teixeira Júnior (CRM-PR 10.949)

20h30 | Palestrante: Jonas Emmanuel Benghi Pinto
Major do Corpo de Bombeiros da PMPR

21h00 |Mesa de Debates 
Moderador: Dr. Ricardo Cesar Geenen Accioly Pinto (CRM-PR 8.412)
Debatedores:
Dr. João Claudio Campos Pereira (CRM-PR 23.032)
Dr. Michele Mamprim Grippa (CRM-PR 21.828)

22h30 | Encerramento


Informações:

III Curso de Atualização em Atendimento Pré-Hospitalar – 2° módulo: Acidentes com Produtos Perigosos
Data: 17 de abril de 2019
Hora: das 20h às 22h30
Local: Auditório Raquele Rotta Burkiewicz, Sede do CRM-PR (Rua Victório Viezzer, 84 – Vista Alegre – Curitiba, PR)
Informações: eventos@crmpr.org.br | (41) 3240-4045 | (41) 3240-4077
https://www.crmpr.org.br/III-Curso-de-Atualizacao-em-APH–2-Modulo-Acidentes-com-Produtos-Perigosos-18-51129.shtml

 

Capítulos SBAIT

SBAIT RS esteve representada na 1ª Jornada de Emergência RS

Nos dias 12 e 13 de abril foi realizada na Universidade de Santa Cruz do Sul,  em Santa Cruz do Sul/ RS, a 1ª Jornada de Emergência RS, reunindo 200 participantes.

A SBAIT RS esteve representada pela diretora do capitulo, Drª. Dóris Lazarotto, que participou do painel “Manejo do paciente politraumatizado: O Protagonismo da equipe multidisciplinar na emergência, abordando o manejo do cirurgião do trauma no paciente politraumatizado.

O evento foi uma realização da Associação Brasileira de Medicina de Emergência -ABRAMEDE-  Regional Rio Grande do Sul.

Drª Dóris Lazarotto ( SBAIT-RS), com os integrantes da mesa do painel : Enfª Stela Maris de Campos Ramos, Dr Carlos Dornelles, Enfª Lilian Frustockl e a psicóloga Aline Badch Rosa.

 

Imagens: Arquivo SBAIT RS

Campanhas

“ME OUÇA” é o tema da campanha Maio Amarelo 2019

O  Movimento Maio Amarelo é  realizado anualmente com a proposta de chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito em todo o mundo. Com o tema “NO TRÂNSITO, O SENTIDO É A VIDA”,  a sexta edição do Movimento Maio Amarelo ocorre em 2019 propondo o envolvimento direto da sociedade nas ações e uma reflexão sobre uma nova forma de encarar a mobilidade. Trata-se de um estímulo a todos os condutores, seja de caminhões, ônibus, vans, automóveis, motocicletas ou bicicletas, e aos pedestres e passageiros, a optarem por um trânsito mais seguro.

A campanha em 2019 traz a proposta de incentivar que os adultos ouçam o conselho dado por uma criança, que com sua ingenuidade e inexperiência perante a vida, tem uma percepção e absorção do que é certo e errado com mais eficácia, sem filtros.

O Observatório Nacional de Segurança Viária, idealizador do Movimento maio Amarelo, explica que a campanha teve sua inspiração nos cinco sentidos humanos, numa alusão à sinalização de trânsito, já que o trânsito é feito de sentidos.

A SBAIT é uma das Entidades apoiadoras do Movimento, e realiza em diversas cidades do país ações de conscientização junto à sociedade, contando com a participação de membros e das Ligas de Trauma.

Saiba mais sobre o Movimento Maio Amarelo e como participar em:  https://www.maioamarelo.com

Eventos, Ligas de Trauma

Evento Inédito no leste de Minas Gerais

A cidade de Governador Valadares, no leste de Minas Gerais, sediou entre os dias 04 a 06 de maio o I Congresso de Trauma e Emergências do Leste Mineiro (COTELM). O evento realizado pelas Ligas do Trauma das duas instituições de ensino da cidade foram as responsáveis pela realização do evento, são elas: Liga Acadêmica de Cirurgia, Trauma e Emergência (LACITE) da Universidade Vale do Rio Doce (Univale) e Liga Acadêmica de Trauma e Emergência (LATE) da Universidade Federal de Juiz de Fora Campus Governador Valadares.

O evento pioneiro na região apresentou números expressivos já em sua primeira edição. Estiveram presentes mais de 450 congressistas, 55 palestrantes, mais de 80 trabalhos científicos inscritos e uma programação científica que abrangeu as urgências e emergências cirúrgicas traumáticas e não traumáticas, urgências clínicas, atendimento pré-hospitalar e medicina intensiva.

Para o Presidente do Congresso e membro da SBAIT, Dr. Romeo Lages Simões, o que tornou o evento único foi a integração entre as cidades do leste mineiro o que propiciará um grande desenvolvimento do atendimento ao trauma e às urgências e emergências da região: “Estiveram presentes palestrantes das cidades de Ipatinga, Caratinga, Teófilo Otoni, Manhuaçu e de Governador Valadares dando ao evento o caráter de agregação entre as cidades, que são polos acadêmicos formadores de novos médicos. Precisamos garantir aos nossos futuros médicos uma formação de excelência em relação ao tema, através de eventos como esse temos certeza que estaremos contribuindo para o crescimento desses estudantes”.

Além dos palestrantes locais, estiveram presentes no evento nomes nacionais, todos eles membros da SBAIT: Dr. Antônio Onimaru (São Paulo / SP), Dr. André Gusmão (Salvador / BA) e Dr. Thiago Calderan (Campinas / SP). A participação desses nomes durante o evento trouxeram o reconhecimento do evento a nível nacional, uma vez que o congresso foi apoiado pela SBAIT e pelo CoBraLT.

Dr. Romeo Lages faz questão de ressaltar: “ O COTELM só foi possível de realizar graças ao esforço interminável dos ligantes do trauma da LATE (UFJF / GV) e da LACITE (UNIVALE). Deixo aqui registrado os meus parabéns e sobretudo o meu muito obrigado aos ligantes do trauma de ambas instituições. Sem a dedicação dos meus alunos e ligantes o evento não seria possível de ser realizado. Mais uma vez, fica nítido que a força que as ligas do trauma possuem e isto deve ser valorizado.”

Equipe Organizadora, membros ligantes da LACITE (UNIVALE) e LATE (UFJF/GV) e membros da SBAIT no primeiro dia do evento.

As instituições de Ensino UNIVALE e UFJF Campus GV foram apoiadores do evento desde a primeira reunião para organização do evento até a execução das atividades, mostrando que as escolas médicas da cidade estão preocupadas e atentas com a formação dos futuros médicos.

Confira momentos do evento:

Mesa de abertura – A Integração entre o Pré e o Intrahospitalar, com Dr. Antonio Onimaru e Dr Thiago Calderan

Dr. André Gusmão (Salvador / BA), apresentando a palestra “Organizando o Fluxo Hospitalar para transfusão maciça no trauma”

Membros SBAIT no I Congresso de Trauma e Emergências do Leste Mineiro (COTELM): Dr. André Gusmão ( Salvador / BA), Dr Thiago Calderan ( Campinas / SP), Dr. Romeo Lages ( Governador Valadares/ MG), e Dr Antônio Onimaru ( São Paulo / SP).

 

 

 

 

 

Fechar