Author

sbait

Ligas de Trauma, Simulados

Liga de Emergência e Trauma promove o IV Simulado Nacional SBAIT de atendimento a múltiplas vítimas

Em referência ao movimento “Maio Amarelo”, mês de prevenção aos acidentes de trânsito, a Liga Acadêmica de Emergência e Trauma da Paraíba (LIET-PB) realizou, na manhã do dia 25 de maio, na Avenida Mar Vermelho, em Intermares, o IV Simulado Nacional SBAIT de Atendimento a Múltiplas Vítimas, com apoio simultâneo dos seguintes Órgãos: Faculdade de Ciências Médias da Paraíba – FCM, PMPB, CBMPB, PRF, SAMU, SEMOB, Hospital de Emergência e Trauma, Hospital dos Milagres e Hospital Residencial.

O objetivo da ação é unificar metodologias de atendimento a acidentes com múltiplas vítimas e aprimorar a prática operacional conjunta de todas as instituições envolvidas na segurança pública. Além disso, fazer referência ao movimento “Maio Amarelo” com um simulado de acidente como uma forma de sensibilizar e chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortos e feridos em decorrência de acidentes de trânsito na Paraíba.
Para a realização desse evento, foram realizadas reuniões com os órgãos representantes, para firmar as responsabilidades e os recursos participantes da operação.

O cenário envolveu o efetivo de serviço previsto em dias normais em toda a capital Paraibana, com o atendimento simultâneo a 20 vítimas.

 

Passo a passo – Um motorista, ao atender o celular, perde o controle de seu veículo, atropela um motociclista, e colide na traseira de um ônibus de transporte coletivo. O acidente envolve 20 vítimas, das quais quatro vêm a óbito no local, três ficam es estado grave, cinco têm ferimentos importantes e oito com escoriações leves.

O procedimento começou com uma ligação ao Centro Integrado de Operações (CIOP), por meio do número de emergência 193, às 8h, informando que como se fosse uma ocorrência real de acidente automobilístico com múltiplas vítimas. No potencial acidente, com vinte vítimas, durante todo o procedimento de resgate e triagem, os feridos foram socorridos e encaminhados para os hospitais da região, de acordo com a gravidade em que se encontram. Logo após o reconhecimento da gravidade da situação e o isolamento da área de atuação, as equipes foram distribuídas no cenário e a
ocorrência foi gerenciada, seguindo o protocolo utilizado no SCI (Sistema de Comando de Incidentes).

Ao todo participaram do simulado nove instituições, cada uma com atribuições específicas. Algumas trabalharam diretamente no local do acidente virtual e outras na organização do treinamento.

Ao todo participaram do simulado nove instituições

AVALIAÇÃO – Ao final do simulado, foi realizada uma reunião com todos os envolvidos na sede da Faculdade de Ciências Médicas da Paraíba – FCM, a fim de realizar avaliação dos pontos positivos e negativos da atividade. Representantes das instituições participantes estiveram presentes  expondo sua visão sobre a atuação conjunta e contribuindo com ideias para que numa situação real os erros sejam minimizados.

Confira momentos do Simulado:

Informações e imagens: LIET-PB

 

Ligas de Trauma

Maio Amarelo: Atividades são realizadas para público infantil em Santa Cruz do Sul/RS

A Liga Acadêmica do Trauma (LATRAUMA) da Universidade de Santa Cruz do Sul desenvolveu no dia 23 de maio atividades referentes ao Maio Amarelo para os alunos de escolas infantis de Santa Cruz do Sul/RS, na sede da Associação Atlética Banco do Brasil (AABB).

O evento contou com a presença de ligantes da LATRAUMA e crianças de cinco até onze anos de idade, abordando a educação no trânsito e as condutas corretas frente ao semáforo e à faixa de segurança. Após a roda de conversa, os alunos participaram de brincadeiras como simulação de situações no trânsito e jogo de memória, solidificando o conhecimento adquirido.

A LATRAUMA agradece ao Observatório Nacional de Segurança Viária e à AABB, que possibilitaram a realização da atividade, e aos estudantes que compareceram ao evento.

Atividade abordou sobre a importância das condutas corretas frente ao semáforo e à faixa de segurança

Informações e imagens: LATRAUMA

Campanhas

Alunos da Liga de Trauma de Sorocaba/SP participam de ação do Movimento Maio Amarelo

No dia 17 de maio estudantes de medicina participaram de ação do Movimento Maio Amarelo em Sorocaba/SP, uma blitz promovida pela Urbes – Trânsito e Transportes no município.

A ação teve como objetivo conscientizar e provocar a reflexão nos motoristas sobre as condutas que adotam para o trânsito cada vez mais seguro. Orientados pelos profissionais da equipe de Educação para o Trânsito da Urbes, os futuros médicos fizeram recomendações e deram orientações para quase 180 motoristas que trafegavam com os seus veículos.

Esse é o terceiro ano consecutivo que os estudantes que integram a Liga do Trauma participam do Maio Amarelo promovido pela Urbes. A Liga do Trauma é composta por universitários do segundo ano da Faculdade de Medicina da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), do campus Sorocaba. Eles também alertaram sobre a importância do uso do cinto de segurança e o risco de combinar direção com o uso de celular ou a ingestão de bebidas alcoólicas.

Os motoristas também receberam panfletos com as informações que receberam pessoalmente, para que atuem como um multiplicador junto aos familiares, colegas de trabalho e conhecidos.

Fonte e imagens: SECOM / PMS

News

Serviço de atendimento exclusivo a pacientes com trauma é criado em Hospital Municipal de São José dos Campos/SP

O Hospital Municipal Dr. José de Carvalho Florence, mantido pela Prefeitura de São José dos Campos em parceria com a SPDM (Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina), inaugurou nesta terça-feira (14) o novo serviço de atendimento exclusivo para pacientes com trauma.

O objetivo é centralizar o atendimento primário destes pacientes em um único espaço, sob os cuidados de equipe especializada própria, formada por cirurgião 24h, dois técnicos de enfermagem e um enfermeiro.

Antes, as vítimas de trauma normalmente levadas à emergência pelas unidades do Samu e Bombeiros, eram encaminhadas para a sala vermelha juntamente com outros pacientes em estado grave. Com o novo fluxo e uma equipe exclusiva, focada para estes casos, o atendimento será mais rápido e resolutivo.

O espaço pode receber até três pacientes ao mesmo tempo, que ficarão no local por até 1 hora, para estabilização, até que sejam encaminhados para outros procedimentos mais invasivos, dependendo da gravidade do quadro.

Por mês, o Hospital Municipal, atende cerca de 1.000 pacientes vítimas de trauma em seu pronto socorro.

 

Informações: http://www.sjc.sp.gov.br

Imagem: Crédito: Charles de Moura/PMSJC

Sem categoria

Convite – Conheça o Programa P.A.R.T.Y. Brasil

A Liga do Trauma da Unicamp convida todas as Instituições interessadas em conhecer o Programa P.A.R.T.Y. ( Prevenção do Trauma Relacionado ao Álcool na Juventude) a comparecerem na edição especial do P.A.R.T.Y. Campinas, em 28 de maio de 2019.

Essa é uma oportunidade para conhecer na prática uma edição do Programa, que já possui núcleos em diversas regiões do Brasil: Ribeirão Preto (SP), Campinas Unicamp (SP), Campinas- PUC Campinas, (SP), Vitória (ES), São Luis (MA), Sorocaba (SP), São José dos Campos (SP), Canoas (RS), Maceió (AL).

Sobre o programa

Programa P.A.R.T.Y. é voltado a jovens de 15 a 18 anos, cursando o Ensino Médio. Eles são convidados a vivenciarem uma edição do P.A.R.T.Y. em sua localidade, onde participam de palestras com parceiros ( representantes do SAMU, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, profissionais do Trânsito e de áreas de saúde) que mostram a eles as consequências que uma decisão de beber e dirigir pode acarretar, já que essa é uma idade em que estão prestes a adquirirem a licença para dirigir.

O momento da vivência é um dos pontos altos do encontro, onde os alunos possuem a oportunidade de conversar com pacientes vítimas reais do Trauma e conhecer a estrutura do Hospital envolvida no atendimento a esses pacientes e sua reabilitação. Em seguida, também conversam com voluntários do programa que convivem com sequelas do trauma no trânsito.

Estão entre os objetivos do programa P.A.R.T.Y. : Educar os jovens a reconhecerem os riscos no trânsito, Conscientizar os jovens sobre a responsabilidade pessoal por suas escolhas, aumentar o conhecimento dos jovens sobre as consequências da lesão na qualidade de vida para o indivíduo, família, amigos e comunidade, promover iniciativas de prevenção de trauma e contribuir para a redução da incidência do trauma relacionada com o uso de álcool na juventude.

História

O Programa P.A.R.T.Y. – Prevenção do Risco de Trauma Relacionado ao uso de Álcool na Juventude, foi iniciado no Centro de Ciências da Saúde de Sunnybrook – Canadá, em janeiro de 1986 com a ajuda de uma enfermeira emergencista, a enfermeira Joanne Banfield.

O Programa foi moldado e desenvolvido primeiramente por membros da equipe de trauma do Hospital de Sunnybrook, onde o índice de acidentes de adolescentes mortos ou gravemente feridos em acidentes de trânsito era alto.

Desde o primeiro P.A.R.T.Y, na década de 80, o programa tem crescido imensamente. Atualmente ele é bem difundido em todo o Canadá e já se expandiu para outros países como: Austrália, Brasil, Japão, Alemanha e Estados Unidos, tendo mais de 1 milhão de jovens conscientizados; Inclui mais de 100 sites ao redor do mundo e continua a crescer e desenvolver-se tanto no Canadá quanto internacionalmente.

O P.A.R.T.Y. foi implantado no Brasil pela USP de Ribeirão Preto/SP em 2008 e na Unicamp em Campinas em 2010.

A SBAIT implantou o P.A.R.T.Y. Brasil em 2013, buscando a prevenção primária do trauma em jovens prestes a obter a Carteira Nacional de Habilitação, CNH.  O modelo seguido é utilizado em todo o mundo e seus resultados são reconhecidos pela comunidade científica internacional.

Visite o site do Programa P.A.R.T.Y. Canadá: www.partyprogram.com

Saiba mais sobre o P.A.R.T.Y. Brasil:
https://programapartybrasil.wordpress.com/

CONVITE

Conheça o P.A.R.T.Y. Brasil / Campinas – Unicamp

Data: 28/05/19
Local: Auditório do Hospital de Clínicas da Unicamp.
Informações: ligadotraumaunicamp@gmail.com

Simulados

Simulado Noturno de Múltiplas Vítimas, uma das ações do Maio Amarelo 2019.

Um motorista embriagado que dirigia em alta velocidade perde controle de sua utilitária kombi ao atender o celular, caindo do viaduto e promovendo a colisão de duas motocicletas e um ciclista.

Simulado Noturno

Ao ler sobre esta cena que envolve os três principais causadores de eventos traumáticos em Campinas – velocidade, álcool e celular, muitos ficariam espantados. Porém foi o cenário de um simulado de atendimento a múltiplas vítimas, uma ação do Maio Amarelo em Campinas que ocorreu em um dos principais cruzamentos na data de 14 de maio de 2019.

Este evento contou com a organização da Disciplina de Cirurgia do Trauma da Unicamp, Empresa de Desenvolvimento de Campinas – EMDEC / SETRANSP e Sociedade de Medicina e Cirurgia de Campinas, com apoio da Sociedade Brasileira de Atendimento Integrado ao Traumatizado – SBAIT, Corpo de Bombeiros de Campinas, Grupo de Resgate – GRAU, SAMU Campinas, Unimed Campinas e Concessionária Rota das Bandeiras.
Para o ambiente simulado ser mais próximo do real, as vítimas foram maquiadas e constavam com a presença de um “sombra”, que apresentava os achados de sinais vitais e de exame físico que não são possíveis de simular. Mas este ano, o comitê organizador inovou colocando os residentes do 3º ano de Medicina de Emergência e de Cirurgia do Trauma da Unicamp para atenderem no ambiente real, sendo “sombreado” também por profissionais que já atuam no ambiente pré-hospitalar.

E para dificultar o ambiente de atendimento, o simulado, pela primeira vez em Campinas, ocorreu no período noturno, contando com diversos profissionais.

“A experiência foi enriquecedora e mostra a necessidade contínua de aprimoramento e integração entre as equipes que atuam no pré-hospitalar. E este ano foi de importante iniciativa ter a participação dos residentes, sendo treinados em um cenário complexo, desafiando os seus conhecimentos muitas vezes restritos somente ao ambiente hospitalar”, diz Dr Thiago Calderan, orientador da Liga do Trauma da Unicamp, membro da Diretoria SBAIT coordenando o Comitê Brasileiro de Ligas do Trauma e membro do Comitê de Trauma da SMCC.
A coordenadora do Grupamento de Resgate de Campinas, Dra Melissa Nucci Brandão, registra que “o clima de simulado no ambiente noturno foi muito bom, ainda mais com a participação dos residentes que estavam vibrando de tanta empolgação. Foi maravilhoso!”
Os alunos da Liga do Trauma da Unicamp Diego Gutierrez e João Pedro Paludetto falam que “foi uma das melhores experiências da graduação, foi uma experiência fenomemal”.

“A conscientização da população é um dos objetivos das ações do Maio Amarelo e conscientizar no seu próprio ambiente de trabalho e ensino, unindo profissionais e deixar esta experiência marcante em cada um que lá esteve e dos 35 alunos de graduação em Medicina e Enfermagem, é recompensador, por mostrar que estamos sedimentando primeiro os conceitos de Prevenção de Trauma dentro de nossos alunos, representados pelas Ligas de Trauma”, finaliza Dr Thiago Calderan.

Participantes do Simulado

 

Confira momentos do simulado e bastidores:

A ação contou com cobertura da mídia local. Confira:

Viaduto Laurão, em Campinas, recebe simulação de acidente de trânsito ( Portal G1)

Campinas teve simulação de acidente na Avenida Norte-Sul


Imagens:
Liga do Trauma da Unicamp e SMCC

 

Internacional

Estudo realizado em Centro de Trauma do Rio de Janeiro é apresentado no ESTES Congress 2019

Poster

Os membros da SBAIT Francisco Eduardo Silva, Adriana Martins Rangel e Renata Pozzi Pereira estiveram no  20th European Congress of Trauma & Emergency Surgery (ESTES Congress 2019) ocorrido no período do dia 5 a 7 de maio na cidade de Praga, Republica Tcheca.

Foi apresentado pelo membro Francisco Eduardo Silva o tema livre “Nonoperative Management of Abdominal Gunshot Wounds” e o Poster: “Penetrating Abdominal Gunshot, with Aorta, Vena Cava e Renal Vein Injuries: Case Reported”.

Os estudos apresentados foram realizados no Centro de Trauma do Hospital Estadual Alberto Torres na cidade de São Gonçalo, estado do Rio de Janeiro. Estiveram presentes também os cirurgiões Diego Rangel e Jose Alfredo Padilha do Centro de Trauma.

da dir. para esq.: Drs Diego Rangel, Renata Pozzi Pereira, Jose Alfredo Padilha, Adriana Martins Rangel e Francisco Eduardo Silva

 

Imagem em destaque: Apresentação do tema livre pelo membro Francisco Eduardo
Silva)

Informações e imagens:  Francisco Eduardo Silva

Ligas de Trauma

Oficina de reanimação cardiopulmonar é realizada para estudantes do ensino médio em Santa Cruz do Sul/RS

A Liga Acadêmica do Trauma (LATRAUMA) da Universidade de Santa Cruz do Sul (UNISC) promoveu, no dia 25 de abril, a oficina “Reanimação cardiopulmonar e manobras para desobstrução de vias aéreas por corpo estranho” aos alunos do ensino médio do Colégio Marista São Luís, em Santa Cruz do Sul/RS.

O evento contou com a presença de ligantes da LATRAUMA e estudantes dos três anos do ensino médio, abordando o reconhecimento da parada cardiorrespiratória e da obstrução de vias aéreas, as condutas adequadas e a importância da capacitação de leigos frente a essas situações. Após a explanação teórica, os alunos tiveram a oportunidade de realizar o treinamento prático em bonecos, com o auxílio dos ligantes, solidificando o conhecimento adquirido.

Oficina RCP realizada com alunos do Ensino Médio

A LATRAUMA agradece ao Colégio Marista São Luís e à professora da disciplina “Introdução às ciências da saúde” Kamila Mansour, que possibilitaram a realização da oficina, e aos estudantes que compareceram ao evento.

Campanhas

Maio Amarelo: Pedágio Amarelo é realizado em Campinas/SP

A Liga do Trauma da Unicamp realizou, neste dia 6 de maio, o Pedágio Amarelo. O evento ocorreu em pontos de grande circulação de pessoas e automóveis, como os arredores da UNICAMP e o centro de Campinas, uma realização em parceria com o comitê de trauma da Sociedade de Medicina e Cirurgia de Campinas- SMCC, Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas – EMDEC, Secretaria de Transportes – SETRANSP e Prefeitura do Campus da Unicamp em Campinas.

Como parte do Maio Amarelo, a campanha, através de panfletos, adesivos, lixinhos para carro e questionários, buscou divulgar o tema deste ano do mês de prevenção à traumas automobilísticos: Desacelere no trânsito! Viva mais!.

Ação orientou a população sobre prevenção à traumas automobilísticos

O evento contou com 80 alunos da Medicina e Enfermagem da Unicamp, e com o apoio do CoBRALT, SBAIT e do SAMU Campinas – Responsável por uma simulação de atendimento a um trauma automobilístico em um ponto de grande circulação dentro da UNICAMP (O restaurante universitário).

Simulado

Esse evento foi apenas mais um dos diversos que serão realizados durante o mês de maio pela Liga do Trauma da Unicamp visando a prevenção de quaisquer eventos traumáticos, sobretudo, aqueles automobilísticos.

O CoBRALT – Comitê Brasileiro de Ligas de Trauma convida e incentiva todos os ligantes de trauma a engajarem-se nessa causa, organizando ações como essa, de fácil execução e de grande importância para a conscientização da sociedade.

Confira outros momentos:

Internacional

Dr. Carlos Mesquita, membro Honorário da SBAIT, é empossado novo presidente da ESTES

Entre os dias 5 a 7 de maio ocorreu em Praga, República Tcheca  o 20th Congress of the European Society of Trauma and Emergency Surgery (ESTES) .

Durante o Congresso, Dr. Carlos Mesquita ( Coimbra/Portugal) foi empossado novo presidente da ESTES ( European Society of Trauma and Emergency Surgery). 

Ari Leppäniemi (Finlândia) , um dos convidados, recebeu homenagem durante o evento. Carlos Mesquita e Ari Leppäniemi são membros honorários SBAIT.  Jorge Pereira, de Viseu, Portugal, foi eleito novo presidente da Emergency Surgery Section (ESS).

Dr. Carlos Mesquita, empossado novo presidente da ESTES.

Carlos Mesquita e Henrique Alexandrino

Henrique Alexandrino, professor de Cirurgia da Universidade de Coimbra, parabenizou Mesquita pela posse do novo cargo:  “Tenho muito orgulho em trabalhar de perto durante alguns anos e de me tornar amigo da pessoa que fez mais pela progressão do trauma e da cirurgia de emergência em Portugal. Agora, esta contribuição é reconhecida por seus pares na Europa, com a recente nomeação como presidente da ESTES.
Parabéns, Dr. Mesquita. Espero sinceramente que a sua liderança continue a inspirar as futuras gerações, uma vez que me inspirou. Também uma palavra para Jorge Pereira, Sérgio Baptista, Pedro Ramos e Dr. Luís Filipe, cujo trabalho e dedicação incansáveis ajudaram a moldar a paisagem da cirurgia de trauma e emergência em nosso país e no exterior.”, frisou Alexandrino.

Luís Filipe Pinheiro, parceiro SBAIT, também foi homenageado durante o evento, recebendo o título de membro honorário da ESTES .

Carlos Mesquita, Luís Filipe Pinheiro e Henrique Alexandrino

Carlos Mesquita, Luís Filipe Pinheiro e Henrique Alexandrino, juntamente com Sergio Baptista, estarão presentes no Campinas 2019 que ocorrerá de 29 de maio a 01 de junho , em Campinas/SP e também como instrutores de cursos DSTC/ DATC  que ocorrerão durante o evento.

A SBAIT parabeniza Carlos Mesquita pela posse como presidente da ESTES e deseja muito sucesso em sua gestão.

Momento da homenagem a AriLeppäniemi

Fechar