Cerca de 47% das mortes no mundo, entre pessoas de 1 a 46 anos, são decorrentes de lesões por trauma

Já estão abertas as inscrições para o 1º Simpósio de Trauma do CHN (Complexo Hospitalar de Niterói), que será realizado no dia 8 de março, das 8h às 17h30. O evento é gratuito e contará com a participação internacional do dr. Antônio Marttos, cirurgião de trauma e professor na Universidade de Miami, nos Estados Unidos.

Voltado para especialistas, profissionais da área, técnicos e equipe de atendimento pré-hospitalar, o simpósio tem o apoio da Sociedade Brasileira de Atendimento Integrado ao Traumatizado (SBAIT), e tem como objetivo promover um debate sobre os principais temas e abordagens no atendimento de vítimas de traumas.

Entre os assuntos estão: catástrofes e grandes eventos, trauma raquimedular, trauma em imagens, atendimento inicial, trauma de extremidades, entre outros. Estudos comprovam que o risco de morte de um paciente traumatizado é 25% menor quando ele é atendido em um hospital com serviços e equipe especializados.

Segundo Helio Machado Vieira Jr., presidente da SBAIT-RJ e coordenador médico do Centro de Trauma do CHN, é importante realizar eventos como este, pois promovem o debate da doença, uma vez que 47% das mortes no mundo, entre pessoas de 1 a 46 anos, é decorrente de lesões por trauma.  “A troca de experiências multidisciplinares é fundamental para o melhor atendimento dos doentes traumatizados no Brasil e ao realizar este simpósio, o CHN reforça o compromisso com o desenvolvimento científico e com a especialização do atendimento ao paciente politraumatizado, tendo em vista que somos o único hospital da Região Norte-Leste Fluminense com um centro de trauma e equipe formada por cirurgiões gerais, ortopedistas, cirurgiões torácicos, vasculares, plásticos, neurocirurgiões e toda a estrutura de um hospital de grande porte para atendimento de forma integral.”